O meia Eran Zahavi, do Hapoel, foi agredido por um torcedor sem camisa e revidou com um chute. O árbitro da partida expulsou o jogador e causou revolta dos outros atletas

O clássico do Campeonato Israelense entre Maccabi e Hapoel, empatado por 1 a 1, teve de ser suspenso depois que uma briga generalizada tomou conta do gramado do estádio Bloomfield. Tudo começou quando um torcedor invadiu o campo e agrediu o meia Eran Zahavi, do Maccabi, que já jogou pelo Hapoel. O atleta revidou com um chute e foi expulso pelo árbitro da partida. Assista: 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.