Segundo o relatório de Elmo Resende Cunha, Vagner Mancini abusou de palavras agressivas contra o juiz auxiliar

Vagner Mancini, treinador do Botafogo
Getty Images
Vagner Mancini, treinador do Botafogo

Se depender do relatório do árbitro Elmo Resende Cunha, o técnico Vagner Mancini não escapará de punição no STJD. Na súmula da partida diante do Cruzeiro , divulgada nesta segunda-feira, o juiz denuncia o treinador do Botafogo por usar palavras agressivas e ameaçar o quarto árbitro.

O documento relata que, após ser expulso de campo, o treinador se dirigiu com o dedo em riste ao quarto árbitro, Emerson de Almeida Ferreira, com as seguintes expressões: "você é um b...", "não vale nada!", "estou falando com você, você tem que olhar para mim", "quero você lá no vestiário", "você é um m...", "estou te esperando lá embaixo".

Cruzeiro aumenta chance de título para 85% e afunda ainda mais o Botafogo

No relatório, Elmo Resende Cunha também relata que o quarto árbitro retirou dois celulares que estavam na bolsa do massagista do Botafogo e que estariam sendo usados para comunicação do treinador e seus assistentes, depois que Mancini foi excluído do jogo. Os telefones foram devolvidos após o encerramento da partida.

Nova casa

Com a penhora das rendas de seus jogos no Maracanã, o Botafogo terá de enfrentar o Atlético-PR no próximo sábado, às 21 horas (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Porém, a mudança de local pode ser vantajosa para o Alvinegro, já que está invicto no estádio - derrotou o Coritiba e empatou com o Sport.

Jefferson acredita que a torcida pode fazer muita diferença e ajudar o time a conseguir um resultado expressivo que ajude na luta da equipe contra o rebaixamento. "Esse é o tipo de jogo em que só um resultado é admitido: a vitória. O Botafogo não tem outra alternativa no momento", disse o goleiro.

Os jogadores se reapresentam nesta terça-feira, no campo anexo do Engenhão, e o técnico Vagner Mancini espera ter uma boa notícia sobre a recuperação do zagueiro André Bahia, cuja ausência está forçando o treinador a fazer improvisações no setor, como tem acontecido nas últimas partidas.

O atacante Rogério recebeu o terceiro cartão amarelo na derrota para o Cruzeiro e desfalcará a equipe. Jobson deve ser o substituto. Ele entrou no segundo tempo da partida disputada no Mineirão e seu rendimento agradou Mancini.

* Com Gazeta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.