Após enfrentar problemas no retorno de Santa Catarina, onde enfrentou o Criciúma no domingo, delegação são-paulina viajou para Guaiaquil (EQU) no início da tarde desta segunda

De volta de Santa Catarina somente na madrugada desta segunda-feira, devido a problemas de mau tempo, o elenco do São Paulo deixou a capital paulista nesta tarde rumo ao Equador, palco da partida decisiva contra o Emelec, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. O único atleta descansado na delegação que saiu de Guarulhos foi Kaká, que não enfrentou o Criciúma , quando os são-paulinos venceram por 2 a 1.

Confira a tabela de jogos, artilharia e notícias da Copa Sul-Americana

Cercado por torcedores e jornalistas, o meia Kaká embarca com a delegação do São Paulo ára o Equador
Rogerio Cavalheiro/Futura Press
Cercado por torcedores e jornalistas, o meia Kaká embarca com a delegação do São Paulo ára o Equador


Preservado pela comissão técnica do compromisso pelo Campeonato Brasileiro após o triunfo por 4 a 2 no Morumbi, o meia passou os últimos dias realizando trabalho específico de recuperação para chegar inteiro fisicamente ao duelo de volta, na quarta-feira, quando a equipe brasileira poderá empatar ou até perder por um gol de diferença para avançar à semifinal da competição continental.

Tivesse participado do jogo (vencido por 2 a 1, com gols do zagueiro Edson Silva e do atacante Alan Kardec), Kaká enfrentaria com o restante do elenco o contratempo de não conseguir deixar Criciúma de avião. Jogadores e membros da comissão técnica precisaram seguir de ônibus a Florianópolis, de onde tomaram voo para chegar à capital paulista por volta de 3 horas da manhã.

E mais: São Paulo já se conforma em perder Kaká, mas não busca substituto

Enquanto comemora o retorno de Kaká, o técnico Muricy Ramalho lamenta a baixa inesperada de Maicon. O meia sofreu uma entorse no joelho direito, no segundo tempo da partida de domingo, e permaneceu no Brasil em tratamento. Além dele, o atacante Alexandre Pato também não viajou, pois segue se recuperando de edema na coxa esquerda, mesmo caso do zagueiro Rafael Tolói.

Outros dois novos desfalques em relação à partida disputada em Criciúma, são os atacantes Luis Fabiano e Ewandro. O primeiro cumpre sua última partida de gancho da Conmebol, ao passo que o garoto estará a serviço da seleção brasileira sub-20. Já Renan Ribeiro, terceiro goleiro, não foi relacionado por opção.

Para chegar à cidade do confronto de quarta-feira, a delegação são-paulina fará escalas em Lima e Quito, capital equatoriana. Após passar a noite já em Guaiaquil, o time fará na terça-feira um único treinamento, em local ainda não confirmado.

Maicon fora por um mês

A entorse sofrida por Maicon na partida de domingo contra o Criciúma, em Santa Catarina, resultou em lesão no ligamento colateral medial de seu joelho direito. Por esse motivo, o meia deve desfalcar o São Paulo por aproximadamente um mês.

"Felizmente, não foi uma lesão que necessita de cirurgia, porque nós temíamos que pudesse ter sido algo mais grave com ele. Ele já iniciou o processo de recuperação e fará a fisioterapia normalmente", explicou o médico José Sanchez ao site do clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.