Tamanho do texto

Paranaenses tentam garantir permanência na elite, enquanto os mineiros buscam manutenção no G4 do torneio

Reta final de Campeonato Brasileiro e os xarás Atlético Paranaense e Atlético Mineiro entram em campo neste domingo, às 19h30 (de Brasília), na Arena da Baixada, em busca de pontos decisivos para seus objetivos na competição. De um lado, os donos da casa precisam fazer sua parte para chegar logo ao número mágico que garantirá a permanência na Série A. De outro, a luta é para se manter no G4, de olho na Libertadores.

Morre Oldair Barchi, capitão do Atlético-MG no título do Brasileiro de 1971

A derrota para o Fluminense quebrou uma boa sequência do Rubro-Negro que quer a reabilitação diante do torcedor. Para isso, o técnico Claudinei Oliveira contará com o retorno do atacante Cléo e do zagueiro Gustavo, que cumpriram suspensão automática no Rio de Janeiro e devem retornar naturalmente ao time, embora o primeiro tenha sido poupado de alguns treinamentos por conta do desgaste físico.

Veja como está a classificação do Campeonato Brasileiro

O desfalque será o zagueiro Cleberson, que recebeu o terceiro cartão amarelo. O comandante atleticano confirmou para a posição que Wiliam Rocha, substituto de Gustavo diante dos cariocas, permanece entre os titulares. "Ele fez bons jogos quando entrou e tem uma bola área muito boa. É canhoto e a saída de bola é mais tranquila por isso. Então, o Willian deve ser mantido", explicou o treinador, que também queria mexer o menos possível na equipe.

Para pegar os paranaenses, o técnico Levir Culpi não poderá contar com o goleiro Victor, que foi expulso na vitória contra o Sport e terá que cumprir suspensão automática. Nos últimos jogos, o jovem Uilson vinha sendo opção no banco de reservas, mas Giovanni, recuperado de lesão, já está à disposição, e Levir Culpi terá de escolher o substituto entre os dois.

G4 pode virar G3 ou G5: depende da Copa do Brasil e da Sul-Americana; entenda

Além da volta de Giovanni, outro retorno importante é o do zagueiro Leonardo Silva, recuperado de lesão muscular e que deverá reassumir a titularidade ao lado do jovem Jemerson. Com isso, Edcarlos, que foi decisivo na classificação contra o Corinthians, volta ao banco de reservas.

O atacante Jô, que chegou a se afastado por indisciplina, também pode aparecer no time titular. Depois de ser reintegrado ao elenco atleticano, o atleta ficou por conta de aprimorar a forma física para tentar acabar com o jejum de gols com camisa do Galo que já ultrapassa os 20 jogos.

"Teremos dois jogadores, o Jô e o Léo (Silva). Estamos passando uma situação com bom número de contusões e eles serão muito importantes", disse o técnico Levir Culpi, que vai avaliar o desgaste dos atletas para escalar o time. "A questão de poupar passa pelos jogadores também. Eles que vão me responder. É a palavra deles. Vamos conversar com todo muito e quem tiver bem vai para o jogo. Sem dúvida, todos estarão cansados. O desgaste físico é complicado e isso é geral. Temos que pensar no calendário", comentou.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X ATLÉTICO-MG

Local : Arena da Baixada, em Curitiba-PR
Data : 2 de novembro de 2014, domingo
Horário : 19h30 (de Brasília)
Árbitro : Péricles Bassols Pegado Cortez (Fifa-RJ)
Assistentes : Luiz Cláudio Regazone (Asp.Fifa-RJ) e Jackson L Massarra dos Santos-RJ

ATLÉTICO-PR : Weverton; Sueliton, Gustavo, Willian Rocha e Natanael; Deivid, Paulinho Dias e Bady; Marcelo, Cléo e Dellatorre.
Técnico : Claudinei Oliveira

ATLÉTICO-MG : Giovanni (Uilson); Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos (Alex Silva); Josué, Dátolo, Luan (Jô) e Maicosuel; Diego Tardelli e Carlos
Técnico : Levir Culpi

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.