Prestes a se aposentar dos gramados, goleiro alertou para a instabilidade do time no 2º tempo em vitória no Morumbi

Rogério Ceni em treino do São Paulo
Djalma Vassão/Gazeta Press
Rogério Ceni em treino do São Paulo

Jogador do elenco do São Paulo que talvez mais queira o título da Copa Sul-americana, Rogério Ceni comemorou muito os primeiros três gols de sua equipe contra o Emelec, na noite desta quinta-feira, mas deixou o gramado do Morumbi decepcionado pelo apagão e os dois gols sofridos na etapa final.

Leia mais: São Paulo abre três gols e leva susto, mas vence o Emelec no Morumbi

"Tivemos um momento de instabilidade, não conseguimos acertar passes. O Maicon vinha conseguindo dar ritmo. Nós nos perdemos. Depois o time se acertou, jogou melhor no final da partida", disse o goleiro, ao final do triunfo por 4 a 2 - depois de passar aperto, o São Paulo voltou a aumentar a vantagem para fechar a conta.

Com o resultado, o time brasileiro pode empatar ou perder por um gol de diferença na próxima quarta-feira, em Guaiaquil, para avançar à semifinal da competição continental. Embora a vantagem pudesse ser melhor, Ceni demonstrou confiança em se classificar e seguir o caminho do título.

"Pelo que fizemos no primeiro tempo, o segundo nos decepciona um pouco, mas nada que abaixe o que queremos, que é o título. Vamos conseguir", falou.

Antes de visitar o Emelec, o São Paulo volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro no domingo, quando enfrenta o Criciúma, em Santa Catarina. Essas são as duas últimas competições que Ceni disputará com a camisa tricolor. O jogador de 41 anos se aposenta em dezembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.