Mistério sobre quem será escalado diante do Vitória deve durar até momentos antes do jogo de sábado, em Porto Alegre

Depois de realizar um treino aberto durante a semana, o qual praticamente anunciou a escalação do Grêmio , o técnico Luiz Felipe Scolari decidiu testar uma nova formação para montar o time que pega o Vitória, sábado, na Arena. Nesta sexta-feira, o comandante tricolor colocou Breno e Lucas Coelho na equipe principal, nas vagas que foram ocupadas quarta-feira por Matías Rodríguez e Fernandinho. O mistério sobre quem será escalado nestas duas funções deve durar até momentos antes do jogo.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

A formação testada terça-feira tinha Matías Rodríguez na lateral direita e Pará na esquerda, mas não agradou ao técnico. Assim, Breno recebeu uma oportunidade no trabalho desta sexta, realizado no Olímpico, e tem chances de começar jogando. Na frente, a mudança foi mais radical: Lucas Coelho treinou ao lado de Barcos, numa inédita formação com dois centroavantes. Fernandinho é quem deixou o time titular.

Leia mais: Barcos e dirigente do Grêmio são absolvidos pelo STJD

Embora as alterações efetuadas neste último treino não possam ser descartadas, a formação mais provável para começar o jogo ainda é a da última quarta-feira. Isto pois, este time, com Breno e Lucas Coelho, foi apenas o que iniciou o treino de bolas paradas realizado nesta sexta-feira. Na sequência do trabalho, Matías e Fernandinho voltaram a ocupar vaga entre os 11 titulares, num treino tático.

O Grêmio que começou o trabalho nesta sexta-feira teve Marcelo Grohe; Pará, Geromel, Bressan e Breno; Ramiro, Fellipe Bastos, Luan e Dudu; Lucas Coelho e Barcos. A formação que deve iniciar o jogo é o 4-2-3-1, com Matías Rodríguez entrando na vaga de Breno (o que desloca Pará para o lado esquerdo de defesa) e Fernandinho no lugar de Lucas Coelho. O Tricolor é o sétimo colocado do Brasileirão, com 51 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.