Ex-atacantes Nunes e Reinaldo estiveram no Maracanã e relembram o Brasileirão de 1980, vencido pelo Flamengo

A pouco mais de 24 horas do jogo de ida entre Atlético-MG e Flamengo , válido pelas semifinais da Copa do Brasil, Nunes e Reinaldo, dois atacantes que marcaram época pelos clubes na virada da década de 1970 para 1980, protagonizaram um encontro no gramado do Maracanã, palco da partida desta quarta.Depois de 34 de se enfrentarem na final do Campeonato Brasileiro de 1980, que deu o título ao Flamengo após vitória suada sobre o Atlético por 3 a 2, os dois ex-jogadores voltaram a se encontrar para falar sobre o duelo.

Leia também:  Em boa fase, Flamengo e Atlético-MG iniciam duelo no Maracanã

Em clima amistoso, Nunes fez questão de reforçar o poder da torcida rubro-negra dentro do Maracanã e Reinaldo não deixou barato, relembrando que o segundo jogo acontece no Horto, ‘onde quem cai, está morto’. "O Maracanã lotado faz diferença e a galera do Flamengo sabe fazer essa diferença na arquibancada para ajudar o time. Nesta quarta vai ser assim, não tenho dúvidas", falou o ex-camisa 9 rubro-negro. "Mas vocês tem que lembrar que o segundo jogo é lá, se cair no Horto, está morto, e no Mineirão, vai para o caixão", brincou o ‘Rei’ Reinaldo.

Confira a tabela da Copa do Brasil

De comum acordo, os dois defenderam a ideia de que a final do Brasileiro de 1980, disputada no Maracanã, foi o que começou com a rivalidade entre os clubes. "Acredito que a rivalidade só cresceu da década de 80 para cá. Aquela decisão aqui, com a arquibancada lotada e a alternância de resultado, claramente foi só o início", falou Reinaldo.

Nunes fez parte de uma das gerações mais vitoriosas da história do Flamengo, que acumulou títulos do Campeonato Brasileiro, da Copa Libertadores e do Mundial Interclubes durante a década de 1980, contradizendo o cenário da América Latina na época, que amargava a chamada ‘década perdida’. Já Reinaldo acumula sete títulos do Mineiro e é o maior jogador da história do Galo, com 475 partidas disputadas e 255 gols marcados, o que faz dele também o maior artilheiro da equipe, inclusive no Brasileiro, com 28 gols marcados em 18 partidas.

Dando continuidade ao projeto, que tem como objetivo rememorar confrontos passados e valorizar os ídolos, o Maracanã, depois de sediar o encontro entre Nunes e Reinaldo, vai exibir, nesta quarta, lances marcantes dos duelos entre Galo e Flamengo no telão. As imagens, pertencentes ao Canal 100 e mostradas sob um visual retro, relembrarão os principais jogos entre as equipes, sobretudo na década de 80, como a final do Brasileiro e as partidas da Copa Libertadores de 1981, quando os mineiros, pelo segundo ano consecutivo, caíram diante dos cariocas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.