Vitória sobre o Internacional no Maracanã deixou o Flamengo mais longe da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo
Gilvan de Souza / Flamengo
Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo

A vitória sobre o Internacional deixou o Flamengo em posição mais confortável no Campeonato Brasileiro e colaborou para os planos de Vanderlei Luxemburgo. Com as semifinais da Copa do Brasil pela frente, o treinador admitiu que deve poupar alguns jogadores no clássico contra o Botafogo, que será realizado em Manaus.

O treinador já havia decidido que o zagueiro Chicão não viajaria porque Wallace está lesionado, e Marcelo vai cumprir suspensão na primeira partida diante do Atlético-MG, pela Copa do Brasil. Com a folga na classificação, Vanderlei admite levar uma equipe mista para o clássico e deixar um grupo sob os cuidados do preparador físico Antonio Melo para recuperar a parte física.

"O jogo em Manaus vai ser muito cansativo por causa da longa viagem Se tivermos que deixar alguns jogadores que estão muito cansados, vamos deixar", garantiu o treinador flamenguista, que vê o Flamengo em um momento de sorte na temporada, principalmente pela fase vivida pelo goleiro Paulo Victor.

"Quando as coisas estão boas, a bola bate na bunda dele e sai. Daqui a pouco, a sorte vira, e a bola vai bater na bunda dele e entrar. Espero que a fase boa demore muito para mudar", projetou o treinador, que parece ter mais tranquilidade para trabalhar, distante da já conhecida "zona da confusão".

De acordo com a programação do clube, os jogadores devem se reapresentar na tarde desta quinta-feira ,no Ninho do Urubu, para revisão médica e treino regenerativo. A avaliação da preparação física será fundamental para Luxemburgo começar a montar o grupo que enfrentará o Botafogo.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.