Separados por três pontos na tabela de classificação, times vêm de vitórias por 3 a 0 no Brasileirão e buscam ampliar boa fase

Flamengo vem de vitória sobre o Cruzeiro
Jorge Rodigues/Agência Eleven/Gazeta Press
Flamengo vem de vitória sobre o Cruzeiro

Em um choque entre equipes motivadas por conta de bons resultados, o Flamengo visita o Atlético-PR neste domingo, às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Os flamenguistas venceram os dois últimos jogos pelo Brasileirão, sendo o último um sonoro 3 a 0 sobre o Cruzeiro. Além disso, derrotou o América-RN por 1 a 0 no meio de semana, avançando para as semifinais da Copa do Brasil. Porém, com 37 pontos no Brasileirão, ainda corre risco de rebaixamento e busca uma pontuação segura. O Furacão, com três pontos a menos, tem os mesmos objetivos e também está animado após triunfo por 3 a 0 sobre o Figueirense.

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo, acredita que a partida deste domingo será uma das mais complicadas para a sua equipe por conta do desgaste da sequência de jogos. "Tivemos praticamente um dia de treino para este jogo, pois na quarta tivemos uma decisão contra o América de Natal e depois ainda a viagem para o Sul. Portanto, o cansaço é mais um fator a ser vencido, embora nosso grupo vem dando conta do recado. O problema é que além disso teremos um rival qualificado pela frente", disse Vanderlei.

Os jogadores do Flamengo, por sua vez, já contam com essa pressão do rival. Justamente por isso pregam a tranquilidade como principal virtude para voltarem ao Rio de Janeiro com um triunfo. "O Atlético Paranaense é um time muito agressivo jogando em casa e com certeza vai fazer de tudo para nos impor seu estilo, tentando acuar o Flamengo. Qualquer coisa diferente disso será surpreendente e, portanto, temos que estar preparados para isso, atuando de maneira inteligente", analisou o lateral esquerdo João Paulo.

O time carioca tem um problema para este compromisso. O atacante Alecsandro, que teve que se submeter a uma cirurgia por conta de um afundamento na face, causado por um choque com um zagueiro do América-RN, não tem previsão de retorno aos gramados. Assim, Nixon e Gabriel decidem para ver quem será o companheiro de ataque de Eduardo da Silva. O volante Márcio Araújo, que sentiu dores na coxa na mesma partida e foi substituído, também é desfalque, dando lugar a Muralha. João Paulo, por sua vez, deve ser poupado para a entrada de Anderson Pico.

Atlético-PR bateu o Figueirense na última rodada
Jason Silva/Agência Eleven/Gazeta Press
Atlético-PR bateu o Figueirense na última rodada

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro o Atlético-PR surpreendeu o Flamengo e venceu por 2 a 1 mesmo jogando no Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ). Naquela ocasião, Douglas Coutinho e Cleberson marcaram os gols dos paranaenses, com Samir descontando para os cariocas.

Vencer em casa é a essa altura da competição uma obrigação para o Furacão. Com a expectativa de casa cheia, a equipe tenta apagar de vez a má impressão deixada na fase de instabilidade que quase levou o time a zona de rebaixamento e, com a conquista de três pontos, garantir pelo menos mais uma semana de tranquilidade em relação ao grupo de baixo da classificação. Com 34 pontos somados, o Atlético começará a rodada na 14ª colocação, três pontos atrás do adversário, o que aumenta a importância do confronto.

Desta vez o técnico Claudinei Oliveira tem uma dor de cabeça boa para resolver. Com todo o elenco à disposição, sem nenhuma nova lesão ou jogadores cumprindo suspensão automática, a escolha será por aqueles que vivem o melhor momento. No ataque, por exemplo, são quatro jogadores com possibilidade de ocupar três vagas mas, pela última apresentação, Dellatorre já tem uma vaga garantida. Douglas Coutinho, Marcelo e Cléo são as outras opções. "A tendência é que o Dellatorre esteja entre os titulares", adiantou o treinador.

As modificações, entretanto, não devem ficar restritas ao ataque. Pelo meio, Hernani e Bady estão de olho nos luares de Paulinho Dias e Marcos Guilherme. Dúvidas que já foram solucionadas na cabeça do comandante rubro-negro, mas só devem ser reveladas antes da partida. "É importante quando você tem estas dúvidas boas, positivas. Temos o Marcos Guilherme, Dellatorre e o Coutinho. Tem também o Hernani, que deve voltar para este jogo. Temos várias opções, não só no ataque, mas de uma maneira geral", avaliou.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X FLAMENGO-RJ

Local : Arena da Baixada, em Curitiba-PR
Data : 19 de outubro de 2014, domingo
Horário : 16 horas (de Brasília)
Árbitro : Jean Pierre Gonçalves Lima-RS
Assistentes: Marcelo Bertanha Barison-RS e José Antônio Chaves Franco Filho-RS

ATLÉTICO-PR : Weverton; Sueliton, Cleberson, Gustavo e Natanael; Deivid, Paulinho Dias (Hernani), Marcos Guilherme (Bady), Marcelo, Cléo e Dellatorre (Douglas Coutinho)
Técnico : Claudinei Oliveira

FLAMENGO : Paulo Victor, Leonardo Moura, Marcelo, Samir e Anderson Pico; Victor Cáceres, Muralha, Hector Canteros e Everton; Gabriel (Nixon) e Eduardo da Silva
Técnico : Vanderlei Luxemburgo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.