Vitória no primeiro confronto pelas quartas de final da Copa do Brasil não ilude time carioca, que pretende entrar em campo nesta quarta-feira sem pensar na vantagem adquirida

Jogadores do Flamengo comemoram o gol de Gabriel diante do América-RN, nom jogo de ida pelas quartas de final da Copa do Brasil
NUNO GUIMARÃES/Gazeta Press
Jogadores do Flamengo comemoram o gol de Gabriel diante do América-RN, nom jogo de ida pelas quartas de final da Copa do Brasil

Passada a vitória de 3 a 0 sobre o líder Cruzeiro, o Flamengo muda o foco, deixa o Campeonato Brasileiro de lado e concentra as suas baterias para a partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil , diante do América-RN , nesta quarta-feira, às 22h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Mesmo tendo vencido na ida por 1 a 0 e com a vantagem do empate para passar de fase, os jogadores flamenguistas garantem que não vão pensar em vantagem. Na visão deles a melhor estratégia na busca da classificação é esquecer o que se passou no Rio Grande do Norte.

Confira a tabela de jogos, artilharia e notícias da Copa do Brasil

"O importante é a postura que vamos apresentar dentro de campo. Nós vamos ter que tomar a iniciativa do confronto e não podemos deixar que o adversário controle as ações. O Flamengo é muito forte dentro do Maracanã justamente porque faz uma química com a torcida e joga sempre no seu máximo. Portanto, vamos estar atentos e cientes de que a vantagem do primeiro jogo nada nos garantiu", alertou o zagueiro Chicão.

Na visão do lateral direito Leonardo Moura, o Flamengo precisa ligar o sinal de alerta com o histórico do América na Copa do Brasil. Isso porque, na terceira fase, o time foi derrotado pelo Fluminense por 3 a 0, no Rio Grande do Norte, mas conseguiu dar o troco no Rio de Janeiro, goleando o Tricolor por 5 a 2 e seguindo na competição.

"O América de Natal não chegou a essa fase da Copa do Brasil por acaso. Muito pelo contrário, eliminou grandes times como o Fluminense e o Atlético Paranaense. Portanto, vai exigir muito da gente. Contra o Fluminense eles perderam por três a zero em casa e conseguiram inverter o resultado neste mesmo Maracanã. Portanto, o que conseguimos na partida de ida não nos garante nas semifinais. Vamos precisar ir a campo pensando em ganhar o jogo, fazer nossa parte e seguirmos na competição", lembrou Leonardo Moura.

Como a segunda-feira foi de trabalho regenerativo, apenas nesta terça-feira à tarde que o técnico Vanderlei Luxemburgo, em treino previsto para o Ninho do Urubu, vai definir a escalação que enfrentará o América. Ele segue sem poder contar com o zagueiro Wallace, com lesão na coxa direita e que está sendo submetido a uma bateria de exames. Caso ele seja vetado mais uma vez, Marcelo permanecerá como companheiro de zaga de Chicão, já que Samir se encontra com a Seleção Brasileira olímpica em amistosos internacionais.

O lateral esquerdo João Paulo, com dores na coxa direira, será reavaliado e se for vetado, é provável que Vanderlei use alguma improvisação. Isso porque o volante Anderson Pico atuou no setor contra o Cruzeiro. Após o treino desta terça-feira os jogadores do Flamengo seguem diretamente para a concentração, de onde só sairão para o jogo contra o campeão potiguar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.