Alemã OSRAM testou na última segunda-feira as luminárias e refletores do novo estádio do Palmeiras. A tecnologia é a mesma utilizada em Arenas internacionais. Tudo "padrão Fifa"

Perto da abertura, que deve acontecer no dia 9 de novembro, na partida contra o Atlético-MG, o Allianz Parque recebe os últimos detalhes para a inauguração. Depois do primeiro evento teste para três mil convidados, o novo estádio do Palmeiras realizou o teste final da iluminação na noite da última segunda-feira. As luminárias importadas de uma multinacional alemã foram todas acesas e seguem o "padrão Fifa".

Iluminação no Allianz Parque foi testada na noite da última segunda-feira
Gabriela Chabatura/ iG
Iluminação no Allianz Parque foi testada na noite da última segunda-feira

Leia também: Palmeiras x WTorre: do polêmico contrato aos rumores de dificuldade financeira

A empresa responsável pelo projeto é a alemã OSRAM, que trabalhou na iluminação do Cristo Redentor no Rio de Janeiro e de estádios da Copa do Mundo e arenas como Allianz Arena, em Munique, e Olímpico de Kiev, na Ucrânia. Rafael Biagioni, gerente geral do canal projetos e soluções da empresa, explicou a tecnologia ao iG : "O que nós estamos testando é a iluminação geral do campo para os eventos. Essa é a iluminação que será utilizada nos jogos, que é um sistema composto por mais de 270 projetores de 2 mil watts, utilizando lâmpadas de vapor metálico (high flux). É um projetor feito na Alemanha, com alto rendimento, então não há desperdício de luz".

Biagioni ainda diz como o projeto foi desenhado especialmente para atender a demanda do Allianz Parque. "Foi feito desta forma porque a iluminação do campo ela seguiu os padrões da Fifa. Todo mundo sabe que a exigência é muito alta, então para que aqueles níveis altíssimos e uniformidade alta fossem alcançados, foi feito todo esse sistema de iluminação perimetral, composto por uma série de ângulos de abertura de luz distintos, cada um direcionado para um ponto específico do gramado para que tenha uniformidade perfeita, tanto horizontal como vertical".

Ainda de acordo com OSRAM, foram utilizados projetos R3 Maxi Siteco, o produto mais moderno do mercado, e refletores, lâmpadas e reatores T5, de alta performance que também reduzem os gastos de manutenção.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.