Atlético-MG perdeu por 3 a 1 para o Criciúma fora de casa, mas conseguiu se manter no G4 do Campeonato Brasileiro

Após a derrota do Atlético-MG diante do Criciúma, por 3 a 1, no último sábado, o técnico dos mineiros, Levir Culpi, acredita que a equipe não merecia melhor sorte no duelo contra os catarinenses. Para o comandante, o elenco não brilhou com em outras ocasiões do Campeonato Brasileiro.

"Foi um resultado péssimo, mas não merecíamos coisa melhor. O Criciúma atuou com se estivesse jogando um jogo de Libertadores em casa. Não fomos contundentes como já fomos em outras oportunidades", analisou Levir Culpi.

Para Levir, o Galo teve poucas oportunidades, mas as que foram criadas causaram perigo ao gol do Criciúma. Apesar disso, o técnico pensa que esse foi o pior jogo que o Atlético-MG fez durante sua estadia no clube.

"Não brilhamos como em outras oportunidades. Não tivemos muitas chances, mas foram boas, que poderia ter mudado a partida. Acho que foi o pior jogo que fizemos", acredita.

O técnico do Galo ainda apontou alguns erros de arbitragem para o insucesso dos mineiros em solo catarinense. "Não houve escanteio, também teve um impedimento, foram dois gols nesses lances, pesa muito", reclamou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.