Resultado deixou equipe carioca no quarto lugar da tabela da Série B, perdendo a chance de encostar no líder Joinville

O Vasco deixou a vitória escapar nesta terça-feira e apenas empatou em 2 a 2 com o Sampaio Corrêa , na Arena Castelão. Os cruzmaltinos venciam até os acréscimos, quando sofreram o revés. Com o resultado, os cariocas chegaram a 44 pontos, mas seguem no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro . Já os maranhenses vão para 37 e ainda sonham com o acesso.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia da Série B do Campeonato Brasileiro

O Sampaio Corrêa foi mais perigoso no primeiro tempo e saiu na frente com gol do zagueiro Edmar. O Vasco empatou nos acréscimos da etapa inicial, de pênalti, com Douglas. No segundo tempo, os cariocas viraram o placar com Douglas Silva, mas sofreram a igualdade nos acréscimos, com William Paulista.

Na próxima rodada, o Vasco terá duelo contra o líder Joinville, nesta sexta-feira, em São Januário. O Sampaio Corrêa entra em campo no mesmo dia, contra o Luverdense, em Mato Grosso.

O jogo

A partida começou em ritmo acelerado, com as duas equipes buscando o ataque. O Vasco criou a primeira boa chance, aos nove minutos. Maxi Rodríguez recebeu passe de Kleber na área e tocou na saída de Rodrigo Ramos, mas a bola foi para fora. A resposta do Sampaio Corrêa veio dois minutos depois. Pimentinha recebeu lançamento, entrou na área, só que chutou mal.

Depois disso, os cariocas passaram a ter mais posse de bola, com os donos da casa tentando surpreender nos contra-ataques. No entanto, nenhum dos times conseguia criar boas chances de gol. Somente aos 31 minutos, em falta cobrada na área, o Sampaio Corrêa assustou. No minuto seguinte, os maranhenses abriram o placar no Castelão. Após escanteio, Luiz Otávio subiu sozinho e cabeceou para grande defesa de Martín Silva. Só que no rebote, Edmar apareceu sozinho para tocar para a rede.

O revés não mudou o panorama da partida. O Vasco seguia buscando o gol, mas sem criar chances. O Sampaio Corrêa, nos contra-ataques, era perigoso e aos 38 minutos quase ampliou. Pimentinha foi lançado, mas viu Martín Silva antecipar a finalização e salvar os cruzmaltinos.

Nos minutos finais, o Sampaio Corrêa seguiu melhor, mas não concluiu em gol as oportunidade criadas. O Vasco continuava com muita dificuldade na criação de boas jogadas, mas conseguiu ir para intervalo com o empate. Aos 47 minutos, o uruguaio Maxi Rodríguez foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Douglas cobrou com categoria para deixar tudo igual no Castelão.

Na etapa final, as duas equipes voltaram mais cautelosas, sem dar muito espaço ao adversário no setor defensivo. O Vasco seguia tendo mais posse de bola, enquanto que o Sampaio Corrêa apostava nos contra-ataques.

O panorama da partida continuava igual até os 32 minutos, quando o Vasco conseguiu a virada. Fabrício cruzou rasteiro pela direita e Douglas Silva apareceu para finalizar. O goleiro Rodrigo Ramos ainda tocou na bola e o zagueiro Luiz Otávio tentou salvar, mas a bola já havia passado da linha. Os jogadores maranhenses reclamaram da marcação e o atacante Edgar, que já havia saído, acabou sendo expulso.Depois disso, os cariocas recuaram e viram o Sampaio Corrêa ir para cima nos minutos finais. De tanto insistir, os donos da casa chegaram ao empate nos acréscimos. Após chute de fora da área, Martín Silva deu rebote no pé de William paulista, que finalizou para a rede e deu números finais no Castelão.

FICHA TÉCNICA
SAMPAIO CORRÊA-MA 2 x 2 VASCO-RJ

Local: Estádio Castelão, em São Luís (MA)
Data: 23/09/2013, terça-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Gilberto Castro Júnior (PE)
Assistentes: Clóvis Amaral e Ricardo Chianca (PE)
Renda: não divulgada
Público: 44.190 presentes
Cartões amarelos: Uilian Corrêa, Marino, Luiz Otávio e Edgar (Sampaio Corrêa-MA); Jhon Cley (Vasco-RJ)
Cartão vermelho: Edgar (Sampaio Corrêa-MA)

GOLS:
SAMPAIO CORRÊA-MA: Edmar, aos 32min do primeiro tempo; William Paulista, aos 48min do segundo tempo
VASCO-RJ: Douglas, aos 47min do primeiro tempo; Douglas Silva, aos 32min do segundo tempo

SAMPAIO CORRÊA-MA: Rodrigo Ramos; Toti, Luiz Otávio, Edmar e Eloir; Jonas, Uillian Correia, Marino (Cleitinho) e Cascata (Valber); Pimentinha e Edgar (William Paulista)
Técnico: Lisca

VASCO-RJ: Martín Silva, Diego Renan, Luan, Douglas Silva e Marlon; Guiñazu, Fabricio, Jhon Cley (Lucas Crispim) e Douglas; Maxi Rodríguez (Rafael Silva) e Kleber Gladiador (Rafael Vaz)
Técnico: Joel Santana

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.