Com o resultado, o time cearense chega aos 31 pontos e já busca a manutenção nas primeiras posições

Na noite desta segunda-feira, foi encerrada a 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. Atuando na Arena Castelão, o Fortaleza, líder do Grupo A, confirmou sua vaga no mata-mata ao golear o Treze-PB, pelo placar de 4 a 0. Os tentos tricolores foram anotados por Robert, Marcelinho Paraíba, Wáldison e Zulu.

Com o resultado, o time cearense chega aos 31 pontos e já busca a manutenção nas primeiras posições, pela vantagem de decidir no Nordeste uma vaga no segundo estágio do futebol nacional. Por sua vez, o Galo da Borborema segue ameaçado pelo rebaixamento, figurando na penúltima posição, com 16 pontos - atrás do Águia de Marabá-PA nos critérios de desempate.

O próximo compromisso dos cearenses ocorre neste domingo, às 19 horas (de Brasília), diante do Botafogo-PB, no Almeidão. Já os paraibanos, no dia seguinte, medem forças com o Paysandu, às 21h30, na Curuzu.

O jogo - Torcedor declarado do Campinense, rival do Treze, o meia Marcelinho Paraíba foi decisivo em favor do Fortaleza logo no início da primeira etapa. O veterano cobrou falta na medida e viu o artilheiro Robert testar firme para vencer o goleiro Gílson.

Após um início ruim, o clube de Campina Grande controlou a bola e consolidou boas investidas com a criatividade do articulador Athos, que explorava a velocidade de Birungueta e Rafael Oliveira. Porém, o Leão do Pici soube conter o ímpeto visitante e foi para os vestiários com o placar inalterado.

No início do período complementar, o clube cearense ampliou a contagem. O veloz atacante Wáldison invadiu a área e acabou derrubado por Osmar, que recebeu o cartão vermelho. Na cobrança, Marcelinho Paraíba teve calma para deslocar o arqueiro adversário e balançar a rede paraibana.

Com a vantagem numérica, o Fortaleza anotou o terceiro aos 25 minutos. Waldison recebeu um belo passe de Edinho e venceu Gílson com uma finalização firme e cruzada. Com 31 jogados, o guarda-metas do Treze sentiu dores e acabou substituído por Éder, que sofreu o quarto tento pouco tempo depois. Substituto de Robert, Zulu aproveitou um cruzamento de Adriano e concluiu precisamente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.