Na zona de rebaixamento, clube terá cinco jogos contra times que estão na segunda metade da tabela. Goiás é primeiro rival

Thiago Mendes e Bruno Mineiro, do Goiás
Friedemann Vogel/Getty Images
Thiago Mendes e Bruno Mineiro, do Goiás

Às 18h30 (de Brasília) deste domingo, no Serra Dourada, o Palmeiras inicia uma sequência decisiva para não cair para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro . Diante do Goiás , o time precisa somar pontos e embalar para enfrentar outros quatro clubes que estão na metade debaixo da tabela.

Leia mais: Com Dorival, Bernardo volta a ser relacionado no Palmeiras depois de dois meses

Após visitar o Goiás, o Verdão ainda encara Vitória, Figueirense, Chapecoense e Botafogo. Não são mais permitidos vacilos para a equipe que iniciou a 23ª rodada na antepenúltima colocação e já é a agremiação com mais derrotas nesta edição na liga nacional.

"Agora temos uma partida muito importante e serão cinco partidas em que, se ganharmos ou tivermos um bom resultado, podemos sair da zona de rebaixamento e ainda ir mais para cima na tabela", apontou Cristaldo.

Confira a classificação, artilharia e mais notícias do Brasileirão

Mais uma vez, Dorival Júnior terá que lidar com uma série de desfalques. Fernando Prass, Wendel, Tobio, Wellington, Thiago Martins, Marcelo Oliveira, Mateus Muller, Eguren, Wesley, Bruninho e Leandro não têm condições físicas de entrar em campo, enquanto Valdivia cumpre suspensão por ter sido expulso contra o Flamengo.

O jogo no qual o Verdão conseguiu empatar após perder por 2 a 0, porém, serviu de exemplo para o técnico, que deve repetir a formação que deu certo no segundo tempo, com Allione como titular. As novidades são Victorino, que volta de suspensão no lugar de Nathan, e Josimar, que faz parceria como volante ao lado de Renato. A dúvida está no setor ofensivo, já que Henrique pode seguir como titular ou, o que é mais provável, virar reserva, deixando Cristaldo como referência e Juninho novamente como meia.

Após dois meses, Bernardo voltou a ser relacionado pelo Palmeiras
Djalma Vassão/Gazeta Press
Após dois meses, Bernardo voltou a ser relacionado pelo Palmeiras

Independentemente da formação, contudo, o Palmeiras se cobra o mesmo espírito que evitou a derrota na quarta-feira. "Agora, temos que encarar cada jogo como uma final. Precisamos desempenhar um bom papel em campo", avisou o lateral esquerdo Victor Luis.

O Goiás também precisa pensar parecido. O time vem de duas derrotas e já se aproxima da zona de rebaixamento. "Temos que estar ligados os 90 minutos, acordados para jogar bem todo o jogo. Vamos ter bastante atenção diante do Palmeiras, não podemos falhar para poder sair com a vitória", disse o volante Thiago Mendes volta a ficar à disposição após cumprir suspensão e deve entrar no lugar de Murilo.

As ausências serão o meia Tiago Real não entra em campo por pertencer ao Palmeiras e o zagueiro Valmir Lucas, que atuava improvisado na lateral direita, sofre com problemas físicos, sendo provavelmente substituído por Moisés. Mas o maior desfalque é o técnico Ricardo Drubscky, que está com virose. Gilberto Fonseca comanda a equipe.

FICHA TÉCNICA: GOIÁS x PALMEIRAS

Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 21 de setembro de 2014, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Assistentes: Marcio Eustaquio Santiago (Fifa-MG) e Guilherme Dias Camilo (MG)
Assistentes adicionais: Janio Pires Gonçalves e Luciano Oliveira dos Santos (ambos de TO)

GOIÁS: Renan; Moisés, Felipe Macedo, Jackson e Léo Veloso; Amaral, David, Thiago Mendes e Esquerdinha; Erik e Samuel 
Técnico: Gilberto Fonseca

PALMEIRAS: Deola; João Pedro, Lúcio, Victorino e Victor Luis; Renato e Josimar; Allione, Juninho (Henrique) e Diogo; Cristaldo 
Técnico: Dorival Júnior

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.