Apesar do ponto fora de casa, time paulista segue na 18ª posição e fuga do rebaixamento à Série C fica mais difícil

Buscando a primeira vitória sob o comando do técnico Vágner Benazzi no Campeonato Brasileiro da Série B , a Portuguesa visitou o América-RN , que não vencia no torneio há sete partidas, na Arena das Dunas. Porém, a equipe paulista não se aproveitou do mau retrospecto recente do rival e empatou, em compromisso válido pela 24ª rodada, por 1 a 1. Paulinho inaugurou para os anfitriões, mas Jean Mota, nos acréscimos, decretou a igualdade.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia da Série B do Campeonato Brasileiro

Com o resultado, os rubro-verdes, antepenúltimos colocados, somam 19 pontos e ainda enxergam a crise se acentuar, uma vez que a diferença para o Bragantino, primeira equipe fora do descenso, é de sete unidades. Por sua vez, o Mecão chega aos 27 pontos, figurando no 15º lugar.

O próximo compromisso dos paulistas ocorre nesta terça-feira, às 21h50 (de Brasília), diante do Náutico, no Canindé. Já o Dragão volta a campo no mesmo dia e horário, para medir forças com o Ceará, na Arena Castelão.

Primeiro tempo morno rende vaias

Disposto a encerrar a má fase vivida no Campeonato Brasileiro da Série B, o América-RN criou a primeira chance da partida, logo aos dois minutos. Aproveitando ligação direta, o meia Arthur Maia ganhou na velocidade de Régis Souza e finalizou firme, mas mandou a bola rente ao travessão defendido por Rafael Santos. Com dez jogados, Brinner se recuperou e salvou a Portuguesa, após desviar finalização rasteira de Rodrigo Pimpão na área. A bola passou, perigosamente, à esquerda da meta.

A chance inicial da Lusa ocorreu quando o relógio apontou a marca dos 11. Em rápido contragolpe, arquitetado por Allan Dias, Serginho fintou Cléber e chutou forte, assustando Andrey. Antes da primeira metade, Vágner Benazzi foi obrigado a mexer na equipe. O centroavante Caio Mancha sentiu dores e acabou substituído por Alemão - titular na última rodada, contra o Boa Esporte, no Canindé.

Com 23 jogados, em escanteio cobrado por Serginho, Andrey saiu errado e presenteou Alemão. O jogador visitante girou rápido e finalizou, mas viu o goleiro alvirrubro se recuperar e espalmar pela linha de fundo. O dianteiro voltou a aparecer quando o relógio apontou a marca dos 42. Entretanto, após receber belo passe de Jocinei, concluiu à esquerda da trave. Foi a última chance da etapa inicial, que rendeu inúmeras vaias na Arena das Dunas.

Portuguesa sufoca, perde gol impressionante e busca empate no fim

Na volta do intervalo, a Portuguesa mostrou disposição para conquistar os três pontos, mas abusou dos gols perdidos. Aos três minutos, em escanteio cobrado por Jocinei na esquerda, Brinner testou firme e exigiu grande defesa de Andrey. No rebote, Serginho, com o gol escancarado, carimbou o travessão, de maneira inacreditável.

Durante o ataque seguinte, Jocinei arriscou da intermediária e viu Andrey, novamente, praticar grande intervenção. Aos cinco minutos, Luciano Castán foi acionado na área e teve calma para encontrar Allan Dias. Porém, o camisa 8 se atrapalhou com a bola e desperdiçou uma chance clara para finalizar.Com dez jogados, o técnico Marcelo Martelotte promoveu a entrada do jovem atacante Paulinho na vaga do volante Wanderson. O veloz dianteiro justificou a entrada inaugurando o marcador em grande estilo, aos 21 minutos. Ele aproveitou um belo cruzamento efetuado por Rodrigo Pimpão, em contragolpe arquitetado pela ponta direita, e concluiu de primeira, sem dar chances para Rafael Santos.

Quando o relógio apontou a marca dos 34, o América-RN quase ampliou a contagem: Arthur Maia fintou Matheus - substituto de Bruno Piñatares -, invadiu a área e finalizou firme. Rafael Santos espalmou a investida e se recuperou para evitar o tento no rebote, em conclusão de Rodrigo Pimpão. Porém, nos acréscimos, Jean Mota saiu no banco para decretar a igualdade. O meia aproveitou falha de Cléber, em cruzamento de Arnaldo, para estufar as redes, após finalização cruzada.

FICHA TÉCNICA  -  AMÉRICA-RN 1x1 PORTUGUESA-SP

Local : Arena das Dunas, em Natal-RN
Data : 19 de setembro de 2014, sexta-feira
Horário : 19h30 (de Brasília)
Árbitro : Péricles Bassols Pegado Cortez (Fifa-RJ)
Assistentes : Fábio Pereira (Fifa-TO) e João Luiz Coelho de Albuquerque-RJ
Público : 3.767 pessoas
Renda : R$ 32.220
Cartões amarelos : Andrey e Paulinho (América-RN); Arnaldo, Régis Souza, Maycon e Allan Dias (Portuguesa-SP)

GOLS :
AMÉRICA-RN : Paulinho, aos 21’ do 2T
PORTUGUESA-SP : Jean Mota, 47' do 2T

AMÉRICA-RN : Andrey; Wálber, Cléber, Zé Antônio (Fábio Braga) e Arthur Henrique; Márcio Passos, Tiago Dutra e Wanderson (Paulinho); Arthur Maia; Rodrigo Pimpão e Max (Daniel Costa)
Técnico : Marcelo Martelotte

PORTUGUESA-SP : Rafael Santos; Arnaldo, Brinner, Luciano Castán e Régis Souza (Jean Mota); Bruno Piñatares (Matheus), Maycon e Jocinei; Allan Dias; Serginho e Caio Mancha (Alemão)
Técnico : Vágner Benazzi

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.