Goleiro do São Paulo deixou a partida do último domingo, contra o Cruzeiro, reclamando de dores no joelho esquerdo

O técnico Muricy Ramalho, do São Paulo , não sabe se poderá contar com o goleiro Rogério Ceni na partida contra o Coritiba , na noite de quarta-feira, pelo Campeonato Brasileiro . O capitão do São Paulo, que deixou o jogo contra o Cruzeiro reclamando de dores, está com uma tendinite na região posterior do joelho esquerdo e virou dúvida.

Confira a classificação atualizada, artilharia e notícias do Brasileirão

O goleiro permaneceu em tratamento nesta segunda, durante a reapresentação do elenco, no CT da Barra Funda. Na terça, o jogador fará mais um trabalho para saber se terá condições de viajar para enfrentar o Coritiba.

Depois da partida contra o Cruzeiro, Ceni explicou que sentiu as dores em uma saída de bola. Mesmo sem que Muricy tivesse feito todas as substituições, o goleiro permaneceu em campo até o apito final.

E mais: Em guerra política, Aidar demite Juvenal Juvêncio da direção da base

Se o goleiro não puder atuar na quarta, o reserva Denis deve ser o escolhido para ocupar a função. A expectativa em relação a Ceni é ainda maior nesta semana por conta do clássico de domingo, contra o Corinthians, no primeiro jogo que o São Paulo disputará no estádio de Itaquera.

Enquanto o goleiro é dúvida para esta quarta-feira, Muricy Ramalho já sabe que não poderá contar com outro importante desfalque em Curitiba, o meia Kaká, que terá de cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo.

Nesta segunda, os jogadores que foram titulares diante do Cruzeiro fizeram apenas uma atividade regenerativa. Já os reservas participaram de um jogo-treino contra o time das categorias de base, com a presença de Luis Fabiano.

O atacante já não sente mais dores da lesão muscular na coxa direita, mas Muricy Ramalho ainda tem cautela sobre o retorno do jogador e não deve utilizá-lo na partida de quarta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.