Treinador ficou mais à vontade com o rendimento do atleta nos primeiros compromissos após o fracasso na Copa de 2014

Neymar em ação contra o Equador
Getty Images
Neymar em ação contra o Equador

Neymar tem 100% de aproveitamento como capitão da Seleção Brasileira de Dunga. Após as vitórias por 1 a 0 sobre Colômbia e Equador , o atacante de 22 anos destacou a sua juventude na missão de comandar a equipe nacional dentro de campo.

"Sou um líder novo ainda", sorriu Neymar, nesta terça-feira. "Estou muito feliz. Nesses últimos quatro anos, aprendi muitas coisas. Hoje, posso ajudar quando chega alguém mais novo, para deixar o cara mais à vontade", complementou.

Dunga ficou mais à vontade com o rendimento de Neymar nos primeiros compromissos após o fracasso na Copa do Mundo do Brasil. "Foi muito positivo. Ele é altamente competitivo, quer vencer sempre. Alguns jogadores crescem de acordo com o desafio", elogiou.

Veja fotos de Brasil 1 x 0 Equador

Após a partida contra a Colômbia, Neymar já havia dito que tinha em comum com Dunga o gosto pela vitória. Com mais um resultado positivo, portanto, a sintonia entre atacante e treinador aumentou.

"O saldo dos amistosos é muito bom. Foram dois jogos difíceis, e a gente acabou vencendo. Hoje, o campo estava horrível, mas faz parte. Ficamos felizes pelos resultados", comentou Neymar.

Para Dunga, ficou a prova de que pode contar com o astro do Barcelona em situações adversas. "Ele tinha se machucado com gravidade e teve os seus primeiros jogos com 90 minutos. É um jogador inteligente, que atuou em várias posições. Quando a gente tem qualidade, fica mais fácil", disse, satisfeito.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.