Gerente de futebol do Corinthians disse que o clube tem critérios para contratar e não traz jogadores por urgências

Edu Gaspar, gerente de futebol do Corinthians
SERGIO BARZAGHI / Gazeta Press
Edu Gaspar, gerente de futebol do Corinthians

O gerente de futebol Edu Gaspar não se mostra animado com a possibilidade de o Corinthians se reforçar ainda nesta temporada. Sem muito dinheiro para investir, o clube também esbarra nas dificuldades impostas pelo mercado no segundo semestre.

"Essa época é difícil. Você faz uma análise e percebe que a maioria dos jogadores com porte de Corinthians já excedeu o limite de jogos por um time no Campeonato Brasileiro. Aí, vamos para outros mercados, que também não são fáceis. Precisamos ter paciência, critérios, para evitar ficar com determinado jogador dentro do elenco por um, dois anos só por causa de uma urgência", comentou Edu.

Para Mano, é mais problemático ser paciente. O técnico tem enfrentado uma série de desfalques em virtude dos amistosos entre seleções. No empate sem gols contra o Criciúma, por exemplo, Gil e Elias defendiam o Brasil, Paolo Guerrero estava com o Peru e Nicolás Lodeiro, com o Uruguai. Para piorar, Luciano cumpriu suspensão automática, enquanto Romarinho foi vendido ao El Jaish, do Catar.

Já prevendo as adversidades, Mano cobrava principalmente a chegada de um jogador da mesma posição de Guerrero. Nilmar era o predileto, porém o alto salário que o atacante de 30 anos deseja receber o afastou de um retorno ao clube do Parque São Jorge. Dessa forma, a solução corintiana foi apostar em suas categorias de base, em Malcom, de somente 17 anos.O meia Renato Augusto, um dos jogadores que têm expectativa de ir à Seleção, começou a se conformar. "Sabemos que o mercado não está fácil. Provavelmente, teremos que nos virar com as peças que já estão aqui", comentou, embora confiante. "O elenco é forte. Conseguimos nos classificar na Copa do Brasil sem os jogadores selecionáveis", argumentou.

Edu, no entanto, não descartou totalmente a chance de dar ao menos uma boa notícia para Mano Menezes. "Em se tratando de Corinthians, estamos sempre atentos ao mercado, para deixar o elenco cada vez mais qualificado", discursou o gerente de futebol.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.