Gaúchos vacilaram em casa e caíram uma posição na tabela, enquanto os catarinenses seguem se afastando da degola

Giovanni Augusto é marcado por Paulão na partida entre Inter e Figueirense
Lucas Uebel/Getty Images
Giovanni Augusto é marcado por Paulão na partida entre Inter e Figueirense

O Figueirense obteve uma grande vitória neste domingo. Jogando com o então vice-líder Internacional, o time de Argel Fucks foi para o intervalo perdendo por dois gols de diferença, mas reagiu na etapa final e chegou à vitória por 3 a 2 em pleno Beira-Rio. D’Alessandro e Paulão fizeram os gols gaúchos, mas Everaldo, Marco Antônio e Giovanni Augusto viraram para os catarinenses.

O primeiro tempo foi bem movimentado. O Inter começou melhor, saiu à frente em um gol de pênalti de D’Ale, viu o Figueira crescer, mas ainda assim ampliou, num golaço do zagueiro Paulão. O Figueirense descontou no começo do segundo tempo e pôs fogo na partida. Quando o Colorado era melhor e parecia perto de ampliar, vieram dois gols em sequência que decretaram a virada dos visitantes.

Com a derrota, o Inter cai uma posição: é o 3º, com 34 pontos. O São Paulo, com a vitória sobre o Sport, ultrapassou o Colorado na classificação, indo a 36, sete atrás do líder Cruzeiro. A equipe gaúcha abre a segunda metade do campeonato na quarta-feira, em Salvador, contra o lanterna Vitória. O Figueira, com a vitória, subiu para o 12º lugar, com 24 pontos. A equipe de Argel receberá o Flu, também na quarta-feira.

O jogo

A partida começou bem movimentada no Beira-Rio. Logo a um minuto, Fabrício cruzou, Jorge Henrique cabeceou e a bola passou perto do gol. Cereceda respondeu em um chute por cima no lance seguinte. Aos 15, pênalti para o Colorado: Tiago Volpi e Leandro Silva se atrapalham, e o goleiro catarinense puxou Fabrício dentro da área. D’Alessandro cobrou no cantinho e fez 1 a 0.

Aos 24, o Figueirense perdeu o centroavante Marcão, que deslocou um dedo na mão direita. Everaldo entrou em seu lugar. O time catarinense passou a adiantar sua marcação e jogar mais no campo colorado. Aos 28, Giovanni Augusto arriscou de longe, mas Dida pegou sem dar rebote. No entanto, foi o Inter que ampliou: aos 34, Paulão pegou sobra de bola levantada na área e mandou uma bomba no ângulo, marcando um golaço.

O Figueirense seguiu em cima e quase descontou aos 39: Marco Antônio bateu falta com categoria desde a meia-lua e acertou a trave, com Dida já batido. Aos 48, Giovanni Augusto recebeu ótimo passe de Clayton após contra-ataque e chutou para uma ótima defesa do goleiro do Inter. A insistência catarinense só seria recompensada na etapa final: aos cinco minutos, Everaldo recebeu de Clayton e tocou na saída de Dida, descontando o placar.

Confira fotos da 19ª rodada do Brasileirão:

Com o Figueira de volta ao jogo, o confronto ficou aberto. Aos oito, Giovanni Augusto recebeu belo passe sozinho na área, mas dominou errado e perdeu o lance. Na jogada seguinte, o Inter quase fez o terceiro: Gilberto cruzou da direita e a bola cruzou a área. Jorge Henrique chegou atrasado por questão de um segundo. Aos 23, Gilberto recebeu de D’Alessandro, mas acabou travado por Thiago Heleno na hora da conclusão.

Quando o Inter dominava o jogo, o Figueirense empatou. Aos 29, Marco Antônio cobrou falta direto para o gol, Wellington tentou cortar, mas raspou de cabeça e a bola entrou: 2 a 2. No minuto seguinte, a incrível virada catarinense se concretizou em um belo chute de fora da área de Giovanni Augusto. O Inter quase empatou aos 36, em cabeçada de Rafael Moura defendida espetacularmente por Tiago Volpi. A equipe gaúcha limitou-se a fazer cruzamentos para a área e pouco ameaçou a partir de então. Nos acréscimos, o lateral chileno Cereceda acabou expulso por falta sobre D'Alessandro. Ele já tinha cartão amarelo.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2 x 3 FIGUEIRENSE

Local : Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data : 7 de setembro de 2014, domingo
Horário : 18h30 (de Brasília)
Árbitro : Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes : Rogério Pablos Zanardo (Asp. Fifa-SP) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP)
Público : 21.531 espectadores
Cartões amarelos : Jorge Henrique, Alex e Wellington Paulista (Internacional); Nem, Tiago Volpi e Thiago Heleno (Figueirense)
Cartão vermelho: Cereceda (Figueirense)

GOLS :
INTERNACIONAL: D’Alessandro, de pênalti, aos 16, e Paulão, aos 34 minutos do primeiro tempo
FIGUEIRENSE: Everaldo, aos 5, Marco Antônio, aos 29, e Giovanni Augusto, aos 30 minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL : Dida; Gilberto (Aylon), Paulão, Ernando e Fabrício; Willians, Wellington (Wellington Paulista), Alex, Jorge Henrique (Eduardo Sasha) e D’Alessandro; Rafael Moura
Técnico : Abel Braga

FIGUEIRENSE : Tiago Volpi; Leandro Silva, Marquinhos, Thiago Heleno e Cereceda; Paulo Roberto, Nem (Felipe), Marco Antônio e Giovanni Augusto; Clayton (Nirley) e Marcão (Everaldo)
Técnico : Argel Fucks

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.