O técnico Luiz Felipe Scolari não descarta utilizar trio de defensores para a sequência da temporada

A possibilidade de escalar um time com três zagueiros não está descartada pela comissão técnica do Grêmio para a partida deste sábado, contra o Flamengo. Depois de o técnico Luiz Felipe Scolari admitir esta possibilidade após a vitória sobre o Bahia, domingo, nesta terça o auxiliar Flávio Murtosa trabalhou os reservas em um coletivo justamente nesta formação. Felipão só chegou ao Olímpico no final da manhã.

A formação testada por Murtosa no trabalho teve Werley, Saimon e Bressan como trio defensivo. Caso a opção seja mesmo pelo 3-5-2, um dos três atuará diante dos cariocas. Bressan, que entrou nos minutos finais do jogo do último final de semana, larga como favorito nesta disputa.

Grêmio suspende atividades de organizada racista por tempo indeterminado

A possibilidade de escalar o Grêmio no 3-5-2 se dá devido aos desfalques. Riveros não pôde atuar domingo, e ainda não tem retorno garantido para o jogo de sábado. Ramiro, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, está fora. No momento, Matheus Biteco e Fellipe Bastos são as duas principais opções do elenco gremista para a contenção no meio-campo.

Enquanto os reservas treinaram, os titulares realizaram trabalho regenerativo no vestiário. Nesta quarta, a equipe começará a ser encaminhada para o jogo no Rio. Os trabalhos ocorrerão em dois turnos. Além de Ramiro, Felipão também não poderá contar com Barcos e Matías Rodríguez, igualmente suspensos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.