Atacante português lamenta as saídas de Di Maria e Xabi Alonso e teme a maneira como o estilo de jogo do time será mudado

Cristiano Ronaldo, atacante do Real Madrid
Getty Images
Cristiano Ronaldo, atacante do Real Madrid

O Real Madrid se movimentou bastante no mercado de transferências para contratar atletas que se destacaram na Copa do Mundo, como os meias James Rodríguez e Toni Kroos e o goleiro Keylor Navas. Mas as ações não deixaram o principal astro do time completamente satisfeito. Muito pelo contrário. Ao invés de comemorar as novidades, o atacante Cristiano Ronaldo lamenta a saída dos que se foram, como o volante Xabi Alonso e o meia Ángel Di Maria. 

"Eu tenho minha opinião muito clara, mas não posso dizer o que penso sempre. Se não, logo seria a manchete de todos os jornais e não quero isso. Porém, se eu mandasse, não teria feito assim. Se o presidente pensa que o melhor para a equipe é contratar os jogadores que contratou e deixar sair outros, temos que respeitar e aprovar suas decisões", disse Cristiano Ronaldo, durante um evento publicitário.

Veja movimentações desta janela de transferências do futebol europeu:

Um dos pontos que mais preocupam o português é a alteração no estilo de jogo do Real Madrid. "Com eles, o estilo mudará, mas poderá mudar para melhor ou pior. Tomara que seja para melhor, porque são atletas muito bons e de altíssimo nível, então o normal é que se adaptem bem. Dí Maria e Xabi eram muito importantes para nós, mas já não estão e temos que estar felizes com os novos", declarou.

Di Maria assinou com o inglês Manchester United, enquanto o espanhol Xabi Alonso se mandou para o alemão Bayern de Munique. Nenhum dos dois tinha interesse em deixar o Real Madrid. Di María, inclusive, chegou a escrever uma carta na qual lamenta o fato de não ter sido estimulado a ficar em Madri.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.