Tamanho do texto

Raimundo Cesar Faustino admitiu ter agredido o palmeirense Gilberto Torres Pereira, de 30 anos. Briga aconteceu no dia 17 em uma estação de trem da CPTM

 Raimundo César Faustino conhecido como CAPÀ
Divulgação
Raimundo César Faustino conhecido como CAPÀ

O vereador de Francisco Morato Raimundo Cesar Faustino (PT) foi preso nesta terça-feira pela Polícia Civil. Capá, como é conhecido o político, é acusado de ter agredido o professor Gilberto Torres Pereira, de 30 anos, em briga no último dia 17 entre torcedores corintianos e palmeirenses, na estação Franco da Rocha da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

Agredido pelos corintianos, Pereira, que era integrante da torcida organizada palmeirense Mancha Alviverde, foi internado com traumatismo craniano após a briga, não resistiu aos ferimentos e morreu na última quarta-feira.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Capá utilizou um galho de árvore para agredir Gilberto Torres Pereira. Além dele, outros quatro torcedores envolvidos na briga estão presos - dois corintianos e dois palmeirenses.

No último dia 18 (segunda-feira), o vereador prestou depoimento e admitiu ter agredido a vítima, mas negou ter utilizado qualquer tipo de instrumento para bater em Pereira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.