Centroavante que foi à Copa do Mundo vive longo jejum de gols e técnico preferiu mexer no ataque da equipe mineira

O técnico Levir Culpi comandou treinamento tático nesta sexta-feira, na Cidade do Galo, e esboçou o time do Atlético-MG que pega o Internacional nesta sábado, no Independência. A grande novidade ficou por conta do ataque. As atuações ruins e a falta de gols vão custar a condição de titular ao avante Jô.

Se contar as participações do atacante pela seleção brasileira, o jejum de bolas nas redes de Jô já dura 16 partidas, 13 com a camisa do Atlético-MG e outros três jogos pelo Brasil. O novo comandante de ataque será André, que também está devendo.

André chegou a atuar bem na excursão do Atlético-MG na Ásia durante a realização da Copa do Mundo, mas na volta do Brasileirão o jogador não conseguiu se firmar. O time titular no treinamento desta sexta-feira foi o seguinte: Victor, Alex Silva, Leonardo Silva, Jemerson e Pedro Botelho; Josué, Rafael Carioca, Dátolo e Maicosuel; Diego Tardelli e André.

O técnico Levir Culpi segue sem poder contar com os volantes Pierre e Leandro Donizete, com o zagueiro Réver, o lateral-direito Marcos Rocha e o meia-atacante Guilherme, todos entregues ao departamento médico do Atlético-MG.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.