Atacante deixou o campo da Vila Belmiro ainda na etapa inicial do duelo contra o Atlético-PR e não deve se recuperar a tempo

Robinho deixou o jogo contra o Atlético-PR de maca nesta quarta-feira, na Vila Belmiro
Friedemann Vogel/Getty Images
Robinho deixou o jogo contra o Atlético-PR de maca nesta quarta-feira, na Vila Belmiro

Chegou a notícia que o torcedor do Santos tanto temia. Após realizar um exame de ressonância magnética nesta quinta-feira, Robinho foi diagnosticado com um estiramento muscular no músculo posterior da coxa direita. O jogador fará tratamento intensivo no Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas de Futebol), no CT Rei Pelé, com três sessões diárias de fisioterapia para se recuperar o mais rápido possível.

O Santos evita dizer que seu principal jogador está fora do clássico de domingo, contra o São Paulo, no Morumbi. A versão oficial do clube é que o atacante correrá contra o tempo para ficar à disposição o mais rápido possível.

Normalmente, este tipo de lesão, muito comum no futebol, deixa o jogador afastado entre 7 e 15 dias. Caso a previsão se confirme, Robinho desfalcará o time no San-São, contra o Grêmio (1º duelo das oitavas da Copa do Brasil, no Sul), Botafogo, no Rio, e talvez volte para encarar o Grêmio (2º jogo das oitavas da Copa do Brasil, na Vila).

Robinho caiu com a mão na coxa aos 26 minutos do primeiro tempo do duelo contra o Atlético-PR, na última quarta-feira. Era a quarta partida seguida do ídolo em apenas dez dias.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.