Clube está liberado para utilizar o atleta até o novo julgamento, mas como não estava concentrado Mano preferiu não levá-lo para o confronto com o Goiás, na noite desta quinta-feira

Petros, volante do Corinthians, poderá defender a equipe até o novo julgamento
Getty Images
Petros, volante do Corinthians, poderá defender a equipe até o novo julgamento

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) concedeu o efeito suspensivo da pena de Petros. O gancho de 180 dias ao meia do Corinthians está congelado, e ele poderá defender a equipe até o julgamento do caso em segunda instância, ainda sem data marcada.

Apesar da liberação, a comissão técnica optou por não levá-lo a Itaquera para a partida da noite desta quinta-feira, contra o Goiás. O jogador não estava concentrado com os companheiros e Mano Menezes preferiu tê-lo como opção apenas para a partida do fim de semana, contra o Grêmio.

Petros foi punido por suposta agressão ao árbitro Raphael Claus, no clássico contra o Santos, no último dia 10. O Corinthians entrou com recurso e solicitou a suspensão da pena enquanto não ocorre o julgamento no Tribunal Pleno do STJD, obtendo desfecho favorável.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.