Jogador marcou o gol de empate no jogo contra o Atlético-MG e foi elogiado pelo técnico Argel Fucks

Após marcar o gol de empate do Figueirense diante do Atlético-MG, nos acréscimos da etapa final, o atacante Clayton teve o desempenho elogiado pelo técnico Argel Fucks e, vibrando com o bom momento vivido na equipe, disse estar preparado para assumir a titularidade.

"O desempenho dele eleva o time, foi importantíssimo para nós. Ele entrou com juventude e força, mudou a partida. Está buscando seu espaço, e quem se escala é o jogador. É um jogador que está pedindo passagem e nós vamos dar isso a ele", admitiu o comandante.

Veja a classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Apoiando o discurso do comandante, Clayton assumiu que vem tendo oportunidades em virtude da entrega nos treinamentos. "Tenho trabalhado para dar meu melhor dentro de campo, faço minha parte nos treinamentos. O Argel me dá total confiança, muita liberdade para enfrentar o jogo e tem me dado oportunidades, que estou agarrando da melhor maneira possível", disse.

Sobre a possibilidade de atuar entre os onze iniciais na partida contra o Botafogo, nesta quarta-feira, no Orlando Scarpelli, o atacante se mostrou tranquilo e afirmou que está preparado. "Estou totalmente tranquilo. Eu tenho trabalhado para isso, faço minha parte dentro do possível. O Argel tem me dado muita confiança, muita moral. Posso dizer que estou preparado se for para sair jogando", comentou o jogador.

Novo desfalque

Além da ausência de Ricardo Bueno, que deverá ficar entregue ao departamento médico durante uma semana, por conta de um estiramento no músculo da coxa, o Figueirense terá de lidar com outro desfalque para o confronto direto com o Botafogo.

O zagueiro Thiago Heleno, que vinha atuando como titular, está suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos e será substituído por Nirley, que completará a dupla de zaga ao lado de Marquinhos.

O jovem Léo Lisboa, esperança no setor de criação, deve permanecer fora da equipe já que continua tratando de um resfriado. Em contrapartida, Giovanni Augusto, que não enfrentou o Atlético por questões contratuais, volta a estar à disposição da comissão técnica.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.