Pernambucanos ocupam a quinta posição, com 21 pontos e buscam lugar no G4, já os catarinenses tentam sair da crise

Em realidades totalmente opostas, Figueirense e Sport se enfrentam neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio Orlando Scarpelli, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro . Enquanto os catarinenses lutam para deixar a lanterna da competição e iniciar uma recuperação capaz de tirá-los da zona do rebaixamento, os pernambucanos flertam com o G-4.

Invicto há seis jogos no Campeonato Brasileiro, o Sport aposta na solidez da defesa, que sofreu apenas um gol nessa sequência de invencibilidade, para voltar ao Recife com os três pontos.

"Se estamos vencendo, é porque estamos trabalhando muito. Não podemos perder esta essência. O trabalho, o comprometimento e o empenho de todos são fundamentais para que os resultados positivos continuem aparecendo", disse o goleiro Magrão.Rithely e Patric, que cumpriram suspensão na última rodada, voltam para reforçar a equipe diante do combalido Figueirense, que já sofreu 20 gols nos 12 jogos disputados.

Tentando reerguer o moral da equipe, abalado pela goleada de 5 a 0 sofrida contra o Cruzeiro, o técnico Argel Fucks contará com a volta do zagueiro Thiago Heleno, que retorna de suspensão. A defesa mais vazada do Campeonato Brasileiro deve sofrer outras mudanças, com a entrada de Leandro Silva no lugar de Luan e a manutenção de Marquinhos na zaga.

"Sabemos que será um jogo difícil, pois se trata de uma equipe que faz uma boa competição e com certeza não teremos facilidade. Mas precisamos muito da vitória nesta partida", afirmou Argel.

FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE X SPORT

Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Data: 3 de agosto de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Luiz Carlos Silva Teixeira (BA)

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi; Leandro Silva (Luan), Thiago Heleno, Marquinhos (Nirley) e Roberto Cereceda; Paulo Roberto, Rivaldo, Kleber e Marco Antônio; Jean Carlos e Ricardo Bueno
Técnico: Argel Fucks

SPORT: Magrão; Patric, Ewerton Páscoa, Durval e Renê; Rithely, Wendel e Zé Mário; Ananias, Felipe Azevedo e Neto Baiano
Técnico: Eduardo Baptista

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.