Tamanho do texto

Lateral caiu com o rosto no chão depois de disputa pela bola. Ambulância chegou a ser preparada para entrar em campo

O departamento médico do São Paulo teve de dar uma atenção especial a dois jogadores depois da partida contra o Criciúma , na noite deste sábado. O lateral esquerdo Álvaro Pereira foi levado ao hospital depois de ter deixado o vestiário, por conta da pancada sofrida no rosto, enquanto Rodrigo Caio sentiu dores no joelho esquerdo.

Veja a classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

"Em relação ao Álvaro, não há nada que preocupe a princípio. Ele bateu forte a face no chão e realmente temos alguns protocolos que têm de ser seguidos, como uma avaliação complementar, com tomografia, mesmo estando bem e sem queixas. Depois disso, vamos seguir a orientação do neurologista", afirmou o médico são-paulino, José Sanchez.

Álvaro Pereira sofreu pancada na cabeça, mas seguiu no jogo
Friedemann Vogel/Getty Images
Álvaro Pereira sofreu pancada na cabeça, mas seguiu no jogo

O lance envolvendo Álvaro Pereira aconteceu no decorrer do segundo tempo, quando o lateral esquerdo caiu com o rosto no chão depois de disputa pela bola. A ambulância chegou a ser preparada para entrar em campo, mas o atleta se restabeleceu e seguiu em campo.

Já Rodrigo Caio não conseguiu permanecer no gramado até o fim do empate por 1 a 1 contra o Criciúma. O volante improvisado como zagueiro sentiu uma dor no joelho esquerdo em disputa pela bola e teve de ser substituindo por Paulo Miranda, sendo encaminhado para os vestiários com ajuda para andar.

Uma avaliação nos vestiários deixou o departamento médico mais tranquilo, mas José Sanchez explicou que só poderá ter certeza ao observar novamente o jogador no domingo e na segunda. Na saída do estádio, o prata da casa conseguiu andar sem o auxílio de outras pessoas.

"O Rodrigo teve uma entorse no joelho esquerdo e sentiu um estalo, mas o exame clínico neste momento não preocupou. Mesmo assim, esses casos podem nos enganar. Se tiver necessidade, realizaremos um exame na segunda. A princípio, não parece lesão grave, mas vamos aguardar a evolução dele", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.