"A gente nunca dirá que as portas estão fechadas, porque podem aparecer oportunidades que não podemos perder", disse o mandatário Gilvan de Pinho Tavares

O Cruzeiro adquiriu, em deinitivo, os direitos do atacante Willian
Angelo Pettinati/Agência Eleven/Gazeta Press
O Cruzeiro adquiriu, em deinitivo, os direitos do atacante Willian

Líder do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro segue reforçando o elenco. O atacante Willian teve os direitos adquiridos em definitivo pelo time mineiro, junto ao Metalist, da Ucrânia. Assim, de acordo com o presidente Gilvan de Pinho Tavares, o grupo fica completo com a aquisição.

"Nós estamos com o plantel completo e muito bom. Pensar em mais atletas seria até trazer transtorno para o treinador. Temos de ter número limitado de jogadores para que todos possam treinar e participar", declarou.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

Apesar de considerar o grupo fechado, uma boa oportunidade de negócio não é descartada pelo mandatário cruzeirense. "A gente nunca dirá que as portas estão fechadas e mais ninguém virá para o Cruzeiro, porque podem aparecer oportunidades que não podemos perder. Se for alguma coisa de muito útil para o time, pode ser que a gente faça. Mas, o plantel está fechado, completo", disse.

Na parada para do Brasileiro, o Cruzeiro contratou três jogadores: o zagueiro Manoel, o meia-atacante Marquinhos e o atacante Neilton, e liberou peças que vinham sendo pouco aproveitadas pelo técnico Marcelo Oliveira. O atacante argentino Martinuccio, juntamente com Luan e Élber, deixaram o clube. Por sua vez, o zagueiro Wallace foi vendido a um grupo de investidores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.