Técnico não poderá contar com o meia, que se reapresentará apenas na terça-feira, mas não confirma se poupará Rever e Tardelli na partida deste domingo, em Recife

A ausência de Ronaldinho Gaúcho - que havia sido liberado pela diretoria para participar da despedida de Deco na Europa, mas perdeu o voo e também não se apresentou - será a única do Atlético-MG neste domingo, diante do Sport, em Recife. Seu substituto será Guilherme, conforme antecipou Levir Culpi.

Leia também:  Sumiço de Ronaldinho Gaúcho repercute na imprensa internacional

O treinador não informou a escalação completa, abrindo hipótese de que essa poderá não ser a única alteração em relação à partida de meio de semana, contra o Lanús, que valeu o título da Recopa Sul-americana à equipe de Belo Horizonte. "Vai que, depois, alguém amanhece com gripe, perde a viagem", brincou para justificar o mistério.

O zagueiro e capitão Réver, que se recuperou de lesão no tornozelo esquerdo e atuou até na prorrogação, pode ser poupado, mas foi relacionado, a exemplo do volante Leandro Donizete e do atacante Diego Tardelli, outros dois jogadores que sofreram mais com o desgaste físico da partida decisiva contra os argentinos.

Com algumas possibilidades, o time base tem Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver (Jemerson) e Emerson Conceição; Pierre, Leandro Donizete (Josué), Maicosuel e Guilherme; Diego Tardelli (Luan) e Jô. Independentemente da formação, Levir acredita que o Atlético terá dificuldade na capital pernambucana.

"Vai ser uma pedreira, por esses fatores, por desgaste físico", prevê o comandante, que não polemizou a respeito da ausência de Ronaldinho, cuja reapresentação é esperada para segunda ou terça-feira. A preocupação maior do técnico neste momento é com o que tem à disposição.

Recém-campeão da Recopa, o Atlético vem de empate em casa com o Bahia no Campeonato Brasileiro. O time soma 15 pontos e ocupa a 11ª posição na competição nacional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.