Com 20 pontos, time potiguar faz boa campanha na Série B e já sonha em chegar à elite nacional na próxima temporada

O Paraná Clube entra em campo neste sábado, às 21 horas (de Brasília), para encarar o ABC-RN, em seu retorno à Vila Capanema após a Copa do Mundo. O duelo tem grande importância para os dois lados, mas por motivos bem distintos. Enquanto os donos da casa lutam contra a zona de rebaixamento, os potiguares estão de olho é no grupo dos quatro melhores da Série B.

O técnico Claudinei Oliveira, que lamentou muito os últimos resultados fora de casa, especialmente por ter detectado uma evolução na equipe, deve continuar acreditando na mesma formação e dificilmente fará alterações. A única novidade com chance de aparecer é o volante Edson Sitta, que foi liberado pelo departamento médico.

Preocupado com o horário da partida e com a reação negativa do torcedor aos últimos resultados, o volante Ricardinho pede mais uma chance e espera contar com o apoio das arquibancadas. "O apoio é fundamental, pelo momento que a gente está vivendo. Tudo aquilo que vem para ajudar, como o apoio do torcedor, nessa hora é muito importante. Com a ajuda deles e com o nosso trabalho vamos conseguir reverter essa situação", afirmou.

Com 20 pontos ganhos, o ABC faz boa campanha e já sonha em chegar à série A. Para isso, precisa arrancar pontos fora de seus domínios e seguir com um ótimo aproveitamento em casa. Embalado pela vitória na Copa do Brasil diante do Novo Hamburgo, no Frasqueirão, o clima é de confiança. O técnico Zé Teodoro deve manter o time, com a exceção do goleiro Camilo, que sentiu dores na região lombar. O meia Rogerinho e os atacantes Dênis Marques e João Henrique seguem no departamento médico.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ-PR X ABC-RN

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 26 de julho de 2014, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Alinor Silva da Paixão (MT)
Assistentes: Fabio Rodrigo Rubinho e Joadir Leite Pimenta (MT)

PARANÁ: Marcos, Chiquinho, Gustavo, Alisson e Breno; Lucas Otávio (Edson Sitta), Marcos Serrato, Ricardinho e Lucio Flavio; Tiago Alves e Giancarlo
Técnico: Claudinei Oliveira

ABC: GIlvan; Renato, Suéliton, Marlon e Luciano Amaral; Júnior Timbó, Fábio Bahia, Michel e Xuxa; Gilmar e Rodrigo Silva
Técnico: Zé Teodoro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.