Promessa é saldar o débito com o elenco até o fim de semana. O atacante Alan Kardec tentou minimizar o problema

Parte do elenco do São Paulo tem cobrado o atraso em pagamentos. Diante da insatisfação, a diretoria comunicou aos jogadores que tudo será acertado, no mais tardar, até o fim de semana. As dívidas variam, e há casos de atletas com direitos de imagem a receber desde maio. Para outros, apenas o valor de junho não foi quitado.

Quem trata de assuntos como esse diretamente com o grupo é o vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, que aparece com maior frequência no CT da Barra Funda - na segunda-feira à tarde, ele conversou com a comissão técnica em uma rara aparição em campo.

Muricy escala Kaká e recoloca Rodrigo Caio no meio de campo do São Paulo

"Se houver atraso, em breve, em questão de dias, até o final de semana, isso poderá ser quitado", desconversou o atacante Alan Kardec, entrevistado desta quinta-feira e recém-chegado ao clube, em transação na qual saiu do Palmeiras sob a justificativa de valorização financeira pelo reconhecimento de trabalho.

Em outro momento da conversa com os jornalistas, o jogador se entregou ao elogiar a atitude dos dirigentes de se reunir com os jogadores. "Isso mostra o caráter, a boa vontade de querer pagar. Os jogadores estão tranquilos", disse.

O atraso coincide com a contratação de grandes nomes, como os atacantes Alexandre Pato e o próprio Kardec, além do meia Kaká. Há dois meses no novo clube, o ex-palmeirense, no entanto, jura que as dívidas atrapalhem o rendimento em campo.

Duelo entre Bragantino e São Paulo será em Ribeirão Preto

"Não atrapalha, os jogadores estão concentrados na tabela, sabem que temos chances de brigar pelas primeiras posições do campeonato. Eu estou tranquilo, não pensei em momento algum em possíveis atrasos, não há comentários dentro da equipe, insatisfações", garantiu o centroavante, comprado ao preço de 5,5 milhões de euros (cerca de R$ 14 milhões, na cotação da época).

No domingo, o São Paulo enfrentará o Goiás, em Goiânia. A equipe soma 19 pontos, seis a menos do que o líder Cruzeiro, e vem de derrota em casa para a Chapecoense.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.