Jogador não precisa passar por cirurgia, mas permanece em tratamento apenas com sessões de fisioterapia

O departamento médico do América-RN havia divulgado que o atacante Max seria submetido a uma cirurgia devido à hérnia abdominal, porém, após exame de imagem realizado nesta quarta-feira, a existência do problema foi descartada. Por isso, o jogador não necessitará de passar por operação e permanecerá em tratamento apenas com sessões de fisioterapia. Porém, continua como desfalque da equipe potiguar.

Após o jogo contra o Bragantino, no dia 15 deste mês, Max reclamou de dores no abdômen e acabou vetado para a partida contra o Vasco, no último sábado. Os exames iniciais sugeriram uma hérnia abdominal, que obrigaria uma cirurgia. Porém, após exame mais detalhado, o diagnóstico foi modificado, e o atleta será tratado apenas com fisioterapia.

Veja como está a classificação da Série B do Campeonato Brasileiro

Outra boa notícia é ligada ao goleiro Andrey. Depois de passar por cirurgia no joelho direito há cerca de um mês, o atleta já voltou a treinar com bola.

Em relação à equipe que enfrenta o América-MG, nesta sexta-feira, às 21 horas (de Brasília), na Arena das Dunas, o time deve ter apenas uma mudança se comparado ao que empatou com o Vasco na última rodada. Com Max vetado e Isac suspenso, o jovem Alfredo entrará no ataque, depois de ficar no banco de reservas por quase todo o primeiro semestre, para formar dupla com Rodrigo Pimpão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.