Contratado em março, jogador não terá concorrente por duas semanas e espera aproveitar a oportunidade

Em virtude da lesão de Roberto, titular da lateral-esquerda, o jovem Raí deve ganhar uma nova chance de conquistar tanto o treinador Sidney Moraes quanto a torcida do Náutico . Contratado em março, o jogador conta com a ausência do concorrente por duas semanas, em razão de uma lesão na coxa, e espera aproveitar a oportunidade da melhor forma.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia da Série B

Com o time no meio da tabela da Série B do Brasileiro, com 15 pontos somados, Raí pode ser peça fundamental do novo esquema a ser testado pelo treinador: o 3-5-2. Com três zagueiros na linha defensiva, teoricamente, o lateral teria menos obrigação de marcar e mais liberdade para atuar no ataque.

"O professor está trabalhando. Ele acha que a gente está pecando no meio de campo. Com três defensores, ele quer fechar alguns espaços que nós temos oferecido aos adversários", comentou o atleta.

Após perder para o Boa por 3 a 1 e deixar escapar pontos importantes dentro de casa, o Náutico tentará correr atrás do prejuízo como visitante e, diante do Atlético-GO, neste sábado, aposta em uma boa atuação coletiva para sair vitorioso.

"O professor conversa muito com a gente. Precisamos dar um pouquinho a mais, porque dentro de campo as coisas não têm fluído como deveriam. Ele falou da importância de recuperarmos os pontos que perdemos dentro de casa", disse Raí. "Foi só um puxão de orelha, por que ele percebeu que está faltando um pouco mais de doação", acrescentou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.