Tamanho do texto

Jogadores do time paulista aproveitaram a rivalidade entre os catarinenses para festejar vaga na Copa do Brasil

Os jogadores do Bragantino souberam aproveitar a rivalidade catarinense para celebrar a classificação à terceira fase da Copa do Brasil nesta terça-feira. Depois de eliminar o Figueirense nos pênaltis , os atletas utilizaram uma tradicional comemoração do Avaí para calar os torcedores presentes no estádio Orlando Scarpelli.

Com passagem pelo Avaí, maior rival do Figueirense, o atacante Nunes foi o primeiro a cobrar, colocou a bola nas redes e não hesitou em se virar para a torcida e provocar com o gesto do "créu". O goleiro Renan, revelado no Leão de Florianópolis, também fez a mesma comemoração após a confirmação da classificação.

"A comemoração é por causa do Avaí, o créu. Ano passado fizeram no Avaí (na vitória por 4 a 0 do Figueirense sobre o Avaí na Série B, na Ressacada), eu não estava, mas senti porque tenho carinho pelo clube. Então hoje pude revidar a provocação aqui", explicou o atacante Nunes, em entrevista à Rádio CBN/Diário .

Atual jogador do Corinthians, o goleiro Renan também falou sobre o gesto, relembrando o passado na carreira. "Fui criado no Avaí, tenho respeito pelo Avaí, apesar de ser atleta do Corinthians. Agora tomaram o créu e é só chorar. Não merecíamos perder esse jogo, com todo respeito ao Figueirense. Sabíamos que seria difícil. A equipe está de parabéns. Vamos agora pensar na Série B".

Após garantir a vaga na terceira fase da Copa do Brasil, o Bragantino volta a campo pela competição na próxima semana, contra o favorito São Paulo, em casa, no estádio Nabi Abi Chedid. Antes disso, o Massa Bruta volta a atuar pela Série B, torneio pelo qual figura na zona de rebaixamento e amarga três derrotas consecutivas nos últimos jogos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.