Como o esquema tático do time é o mesmo desde as primeiras rodadas, a intenção de comandante com a alteração é tornar o time mais imprevisível aos adversários

A vitória sobre o Santos fez com que o Fluminense voltasse ao G4 do Campeonato Brasileiro. Mesmo na briga pela liderança da competição, o técnico Cristóvão Borges afirmou que poderá fazer mudanças na equipe nas próximas rodadas. O comandante ressaltou que o esquema tático da equipe é o mesmo desde as primeiras rodadas e a alteração, principalmente na parte tática, vai servir para tornar o time imprevisível aos adversários.

"Nós estamos jogando assim desde o começo do Campeonato Brasileiro. A característica do time do Fluminense é ofensiva, mas isso não é definitivo. Podemos mudar, pois não podemos ser previsíveis. Quando for necessário, vamos mudar", disse.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

Cristóvão Borges elogia o desempenho do Fluminense no fim de semana. O treinador destacou que seus comandados entraram em campo mais focados e atentos, diferente do confronto contra o Criciúma.

"Disputamos mais um jogo como se faz necessário, de maneira aguerrida. Nós demoramos, contra o Criciúma, a entrar na atmosfera do jogo. Agora conseguimos isso mais rápido", declarou.

Questionado sobre a falta de gols do atacante Walter, Cristóvão Borges se mostrou tranquilo. O técnico revelou que já conversou com o jogador e acredita que o jejum de gols irá se encerrar nas próximas rodadas. "Já conversei com o Walter sobre isso. Nesse momento, é preciso ter calma, pois rapidamente ele vai voltar a fazer gols", comentou.

O elenco do Fluminense terá a semana livre para trabalhar visando a partida contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, domingo, às 16h (de Brasília), pelo Campeonato Brasileiro. O duelo será um confronto direto pela permanência nas primeiras posições, pois ambas as equipes estão com 19 pontos, com os cariocas na frente pelos critérios de desempate.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.