Meia não conseguiu chegar a um acordo de renovação com o Boca Juniors e voltará ao clube pelo qual passou na base

Riquelme comemora gol do Boca contra o Corinthians, pela Libertadores de 2013
Miguel Schincariol / Divulgação
Riquelme comemora gol do Boca contra o Corinthians, pela Libertadores de 2013

Campeão da Copa do Mundo de 1986 com a Argentina e atual técnico do Argentinos Juniors, Claudio Borghi anunciou nesta quinta-feira que o meia Juan Román Riquelme voltará a defender o clube que o revelou. Em entrevista ao canal Fox Sports, Borghi afirmou que o jogador, ex-Boca Juniors, irá se juntar aos seus novos companheiros na próxima segunda-feira.

"Está tudo certo. Román é uma caixa de surpresas, e essa sempre foi nossa esperança. Fiquei sabendo (do acerto) às três e meia da manhã e não dormi", afirmou o treinador, que não conteve a empolgação ao comentar a contratação de peso.

"Tenho uma relação de muito respeito e admiração com Román. Não sou um amigo íntimo. Sou apenas um conhecido que se senta para falar de futebol", disse. Um dos principais nomes da história do Boca Juniors, Riquelme teve seu contrato encerrado com o clube argentino há alguns dias. Sem acordo para renovar, o meia argentino chegou a negociar com o Sport, que acabou desistindo da contratação por causa da demora de Riquelme em dar uma resposta.

Aos 36 anos, Riquelme pode ter o Argentino Juniors como o último clube da carreira, que também registra passagens pelos espanhóis Villarreal e Barcelona.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.