Time paranaense permanece com quatro pontos, afundado na zona de rebaixamento, e vê adversário subir na tabela

O Coritiba somou mais uma derrota no Campeonato Brasileiro  ao cair diante do Criciúma  por 1 a 0 nesta quarta-feira, no Estádio Heriberto Hulse. Assim, afundou-se ainda mais na zona rebaixamento, com quatro pontos e nenhuma vitória conquistada. Os donos da casa, por sua vez, chegaram aos 11 pontos, fugindo da parte de baixo da tabela.

Na próxima rodada, o Criciúma encara o Santos, domingo, no Estádio 1º de Maio, em São Bernardo do Campo. Já o Coritiba volta a campo no sábado, quando encara o Goiás, em partida marcada para a Vila Capanema, em Curitiba.

Paulo Baier tenta domínio da bola pelo Criciúma durante o jogo contra o Coritiba
Getty Images
Paulo Baier tenta domínio da bola pelo Criciúma durante o jogo contra o Coritiba

O jogo

O Tigre mostrou suas garras logo aos dois minutos, em cobrança de escanteio de Paulo Baier, na medida para cabeçada de Rodrigo Souza, por cima da meta, com muito perigo. A partida era bem disputada, cm as duas equipes dividindo a posse de bola, mas com dificuldade de criar chances de gol. Aos 13 minutos, Dudu recebeu na entrada da área e bateu no ângulo para boa defesa de Luiz.

O ritmo caiu um pouco, com muitos erros de passes e marcação forte. Os donos da casa passaram a ficar mais com a bola nos pés, mas sem eficiência. Aos 16 minutos, Paulo Baier tentou surpreender em cobrança de falta rápida, mas Silvinho não entendeu a jogada e deixou bola correr demais. O Coxa errava demais e começou dar espaços. Aos 29 minutos, Maylson cruzou e Bruno Lopes não desviou por pouco.

Boa oportunidade para o Tigre, aos 39 minutos, com Silvinho, que recebeu de Paulo Baier, tirou a defesa mas, parou em uma saída precisa de Vanderlei. Na resposta, Reginaldo chegou ao fundo de gramado de achou Roni, que bateu em cima de Fábio Ferreira. Fora de suas características, Baier apareceu na área, aos 45 minutos, e testou para boa defesa de Vanderlei.

Para a segunda etapa, o Criciúma voltou com Ricardinho no lugar de Maylson. O Coxa retornou com tudo e, antes do primeiro minuto, Zé Love recebeu com liberdade na área e chutou pra fora, desperdiçando uma chance incrível. Luccas Claro falhou, aos nove minutos, e deixou a bola para Silvinho, que também perdeu a oportunidade.

O Tigre conseguiu abrir o placar aos 12 minutos, com Fábio Ferreira, que aproveitou cobrança de escanteio de Paulo Baier e cabeceou para o fundo das redes. Celso Roth tentou mudar a movimentação do meio-campo alviverde com a entrada de Germano no lugar de Chico. Aos 24 minutos, Dener cruzou fechado e ninguém aproveitou.

Paulo Baier era o principal nome dos catarinenses. Aos 26 minutos, o maestro cobrou falta para boa intervenção de Vanderlei. Ataque do Coxa, aos 35 minutos, e Germano, de fora da área, soltou a bomba para defesa de Luiz, com os pés. Mesmo com mais movimentação, com direito a Luccas Claro fazendo papel de atacante, o Coritiba não conseguiu reagir e amargou mais um revés.

FICHA TÉCNICA - CRICIÚMA 1 X 0 CORITIBA
Local: Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma (SC)
Data: 28 de maio de 2014, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido R. de Souza (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Cartões amarelos: Silvinho, Serginho, Eduardo e Paulo Baier (Criciúma-SC); Jajá, Dener, Chico, Norberto e Zé Love (Coritiba-PR)

GOL:
CRICIÚMA-SC: Fábio Ferreira, aos 12 minutos do segundo tempo

CRICIÚMA: Luiz; Eduardo, Fábio Ferreira, Ronaldo Alves e Cortez; Serginho, Rodrigo Souza, Maylson (Ricardinho) e Paulo Baier; Silvinho (Maurinho) e Bruno Lopes (Lucca)
Técnico: Wagner Lopes

CORITIBA: Vanderlei; Reginaldo, Luccas Claro, Welinton e Dener; Chico (Germano), Baraka, Jajá e Dudu (Norberto); Roni (Júlio César) e Zé Love
Técnico: Celso Roth

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.