Técnico do Vitória é apontado como um dos favoritos para substituir Gilson Kleina no clube paulista

Um dos principais cotados para substituir Gilson Kleina, Ney Franco tem como obstáculo o seu contrato vigente com o Vitória . Mas, se precisar da dica de um ex-comandado para insistir no técnico, a diretoria do Palmeiras pode ouvir Lúcio. O zagueiro mostra que já superou o problema que teve com o treinador no São Paulo, quando foi substituído durante derrota para o Arsenal, na Argentina, e foi direto para o ônibus da delegação.

"Como pessoa e homem, não gosto de brigar e guardar mágoa de ninguém. Aconteceu um fato com ele e, no outro dia, já resolvi e voltei a jogar normalmente. É uma pessoa que tem todo meu respeito e carinho, um cara que trabalha muito bem, um profissional muito dedicado. Para mim, não teria nenhum problema. Seria, com certeza, muito gratificante trabalhar novamente com ele", aprovou Lúcio.

Interino diz que só resgatou o que Kleina fazia pelo Palmeiras: 'Não mudei nada'

Mas um jogador há mais tempo no Palmeiras ressalta para a pressão no clube. Atleta mais caro do elenco, Valdivia já trabalhou no time e foi campeão paulista em 2008 com Vanderlei Luxemburgo, outro dos principais cotados, e ressaltou as dificuldades de se trabalhar na equipe.

"O treinador, primeiro, tem que conhecer o que significa o Palmeiras e a pressão da torcida. E quem vier tem que aproveitar a qualidade do elenco, dos jogadores e fazer com que o time volte e retome o caminho das vitórias", solicitou, avisando que mostrou seu conhecimento ao alertar Gilson Kleina da demissão.

Valdivia faz último jogo pré-Copa e diz que só deixará Palmeiras por grana alta

"Todos têm cota de culpa, e a maior é dos jogadores. Vínhamos muito bem no Paulista, saíram jogadores importantes e deixamos de ganhar. Sempre falei até para o Kleina: quando o Palmeiras perder, o primeiro a rodar é o treinador", indicou o chileno, reforçando, porém, que a preocupação do elenco é em ganhar em vez de opinar no novo técnico.

O único pedido é por alguém que ajude. "Não sabemos quem vai chegar, mas, com certeza, a diretoria vai escolher um treinador que vai nos ajudar mais ainda. Nosso grupo é excelente. Quem chegar, vai ser para nos ajudar muito. Estamos só esperando", falou Marcelo Oliveira.

"Infelizmente, não conseguimos o título paulista, mas trabalhamos muito, com empenho de toda a equipe, sinceridade no relacionamento entre os jogadores e o treinador. Esperamos que venha uma pessoa para somar e nos ajudar nessa caminhada em duas competições importantes", completou Lúcio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.