Tamanho do texto

Técnico poupou jogadores no duelo da Copa do Brasil, na última quinta-feira, e confirmou o retorno deles no jogo deste domingo, contra o Figueirense

O técnico Oswaldo de Oliveira terá de driblar o cansaço após duelo na Copa do Brasil
Flickr/Santos F.C.
O técnico Oswaldo de Oliveira terá de driblar o cansaço após duelo na Copa do Brasil

O Santos ainda não venceu no Campeonato Brasileiro. E neste domingo, além do Figueirense, terá que superar outro adversário para aliviar a pressão e subir na tabela: o cansaço.

Após três rodadas, o time não fez nada além de três empates contra Sport, Coritiba e Grêmio, sendo que dois jogos aconteceram em plena Vila Belmiro. Em meio aos jogos pela Brasileirão, encarou duas partidas contra o Mixto, pela Copa do Brasil, sendo a primeira no forte calor de Cuiabá.

Na quinta-feira, o Santos enfrentou o Princesa de Solimões, em Manaus. Apesar da vitória por 2 a 1, o time apresentou muito cansaço já no segundo tempo da partida e, para piorar, mais uma vez não eliminou o jogo de volta contra o time amazonense. "O voo atrasou, chegamos de madrugada, tivemos pouco tempo para descansar", relatou o atacante Gabriel após o jogo.

"Eu tive que fazer algumas substituições que não eram previstas", admitiu Oswaldo, referindo-se a saída do zagueiro Bruno Uvini, que teve câimbras durante o jogo na Arena da Amazônia.

O voo do Santos atrasou três horas e o time chegou à 1 hora da madrugada, já no dia do jogo. Nesta sexta-feira, a delegação encarou mais uma longa viagem de volta, chegou a Santos à tarde e se reapresenta na manhã deste sábado para fazer o único treino antes do duelo contra o Figueirense, já que no sábado mesmo a equipe viaja novamente com rumo à Londrina, no Paraná, palco do jogo deste domingo contra os catarinenses.

Para driblar o cansaço, a falta de tempo para treinar e prevenir a equipe de lesões, Oswaldo de Oliveira já iniciou um rodízio entre os jogadores. Poupados contra o Princesa de Solimões, Thiago Ribeiro, Cícero, Arouca, Cicinho e David Braz estão confirmados para o jogo em Londrina. "Todos voltam domingo", avisou o técnico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.