Tamanho do texto

Ex-atacante do São Paulo e Grêmio foi condenado por dirigir embriagado e ultrapassar o limite de velocidade. Ele ficará sem habilitação por um ano e deverá de arcar com a multa no valor de R$ 28 mil

O atacante Welliton, que defendeu Grêmio e São Paulo no ano passado, foi condenado nesta terça-feira por ter sido flagrado dirigindo embriagado , acima do limite de velocidade e com mais pessoas do que o permitido em seu carro. Segundo o jornal Mundo Deportivo , a Justiça espanhola determinou que o jogador, atualmente no Celta de Vigo, fique um ano sem a carteira de habilitação e pague multa no valor de nove mil euros (R$ 28 mil).

O atleta foi condenado por ter cometido "delito contra a segurança viária". Acompanhado de seu advogado, Welliton compareceu à delegacia onde foi julgado nesta manhã. Para evitar o assédio da imprensa, o atacante deixou o local pela porta dos fundos.

Relembre atletas que tiveram problema com a Justiça:


De acordo com notícia publicada pelo jornal El Faro de Vigo, o carro de Welliton, que tocava música alta, avançou no sinal vermelho em vários semáforos. Após ser perseguido pela polícia, o jogador foi abordado e se apresentou aos policiais como "jogador do Celta".

Com os direitos econômicos ligados ao Spartak Moscou, da Rússia, Welliton permanecerá na Espanha pelo menos até o fim desta temporada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.