Fora de casa, City fez a virada em 3 a 2, igualou o Liverpool em pontos e só depende de mais duas vitórias para ficar com a taça

Na tarde deste sábado, o Manchester City deu um passo importante para a conquista do título inglês. A equipe visitou o Everton e venceu por 3 a 2, numa partida equilibrada. O jogo foi válido pela 36ª rodada da Premier League.

Veja a classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Inglês

Com o resultado, os visitantes assumiram a liderança, com 80 pontos. Os donos da casa, por sua vez, permaneceram na quinta colocação, com 69. O Manchester depende apenas de si para sagrar-se campeão. Liverpool e Chelsea ameaçam o City na ponta, pois apresentam 80 e 78 pontos, respectivamente, e dois jogos a serem disputados. 

O City tem nove gols de saldo a mais que o Liverpool e como este é o primeiro critério de desempate, a equipe de Manchester praticamente depende de duas vitórias nas próximas duas partidas para ser campeã. O Liverpool joga contra o Crystal Palace, fora de casa, nesta segunda-feira e tenta uma goleada para diminuir a desvantagem.

Dzeko marcou duas vezes na vitória por 3 a 2 do City sobre o Everton em Liverpool
Clint Hughes/AP
Dzeko marcou duas vezes na vitória por 3 a 2 do City sobre o Everton em Liverpool

Na última rodada, o Everton visitará o Hull City, no próximo domingo, às 11 horas (de Brasília). O City, por sua vez, receberá o West Ham na mesma data e horário. No entanto, este não é o próximo compromisso do Manchester, uma vez que a equipe tem uma partida atrasada que será disputada nesta quarta-feira, em casa, contra o Aston Villa, às 15h45.

O jogo - Logo aos 10 minutos do primeiro tempo, o Everton abriu o placar com Barkley. Naismith ajeitou na entrada da área e o companheiro finalizou firme de primeira, mandando a bola no ângulo da meta de Joe Hart.

O Manchester tentava reagir e, pouco tempo depois, Touré fez boa jogada individual, passou pelo marcador e bateu colocado, mas por cima do gol.

Edin Dzeko garantiu a virada do Manchester City em Liverpool contra o Everton
Clint Hughes/AP
Edin Dzeko garantiu a virada do Manchester City em Liverpool contra o Everton

Aos 21, os visitantes conseguiram igualar com Agüero. Touré recebeu na entrada da área e tocou para o colega, que chutou no canto do gol. O argentino saiu de campo machucado após seis minutos.

No final do primeiro tempo, o City ampliou o placar com Dzeko, aos 42. O atacante bósnio subiu e alcançou o cruzamento de Milner, cabeceando no canto, sem chances para o goleiro Howard.

O Everton voltou do intervalo levando perigo já no primeiro minuto da segunda etapa. Em contra-ataque rápido, Naismith recebeu na área, tocando na saída de Hart. O arqueiro se esticou e fez a defesa.

O City mostrou que quer o título e, aos dois, Dzeko anotou seu segundo tento na partida e o terceiro de sua equipe. Fernandinho fez lançamento para Nasri, que cortou o marcador e cruzou rasteiro. O bósnio apareceu para ajeitar no fundo das redes.

O Everton não deixou por menos e diminui, aos 19 minutos, com Lukaku. Baines chegou pela esquerda e cruzou na pequena área. O companheiro foi de cabeça e a bola bateu na trave para depois entrar no gol.

O City ainda levou perigo com Zabaleta, mas Howard salvou. Nos últimos minutos, os donos da casa quase chagaram ao empate com Deulofeu, porém Hart defendeu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.