Tamanho do texto

Material de revestimento e treliças de sustentação foram alterados após decisão do arquiteto. Mudança desagradou parte da torcida do Palmeiras

A WTorre, construtora responsáveis pela obra do Allianz Parque, explicou a diferença do revestimento do futuro estádio do Palmeiras após solicitação do iG Esporte . Em comunicado enviado aos jornalistas, a empresa afirmou que a mudança do tipo do material  - aluzinc por aço inox - foi decidida ainda em 2011 e o arquiteto Edo Rocha alegou ter sido uma "evolução no projeto". 

Leia também:  Riquelme, Vilson, Barcos...Alan Kardec não foi a única decisão polêmica de Nobre

Diferença no revestimento do Allianz Parque
Reprodução
Diferença no revestimento do Allianz Parque

De acordo com a WTorre, esta é a quinta e definitiva fachada. A diferença para as versões anteriores é que a nova proposta descobre as treliças de sustenção da cobertura do Allianz Parque.  “Quando fiz o desenho inicial, eu ainda não tinha ideia de como as estruturas metálicas iriam ficar por isso fiz o fechamento. Na arquitetura, se a estrutura é bem feita e bonita, deve ficar aparente. E elas ficaram lindas. Esse é o resultado da evolução do projeto”, afirmou Edo Rocha. 

"A ideia foi criar um projeto com percepção de espaço que se tornasse referência na região e na cidade de São Paulo. Uma fachada imponente, única e inovadora que fosse percebida com impacto e emoção não pelos frequentadores do Allianz Parque, mas por todas as pessoas que passam pela rua”, completou. 

Revestimento metálico do Allianz Parque
Divulgação
Revestimento metálico do Allianz Parque

As placas de aço inox começaram a ser colocadas no início deste mês e toda a fachada da rua Padre Antônio Tomás já está completa. A WTorre afirma que o processo de colocação é artesanal, uma vez que as placas de inox precisam ser cortadas em comprimentos de 28 e 40 metros, e inédito comparado às arenas no país. 

Ainda, segundo a construtora, o material é mais caro do que a pensada anteriormente, que era de aluzinc (liga especial de alumínio e zinco) pintado. As perfurações existem permitem que a entrada e saída de luz e vento, moderando assim a temperatura.

A mudança não agradou a todos os torcedores palmeirenses. Na página da arena no Facebook, diversos fãs criticavam a alteração e pediam para que a construtora voltasse para o projeto anterior. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.