"Temos como planejamento e programação ter na Copa do Mundo ter quase todo o elenco já formado visando o segundo semestre", declarou Rodrigo Caetano

Após anunciar a contratação de quatro jogadores para o restante da temporada, na qual ainda disputa a Copa do Brasil e o Brasileiro da Série B, o Vasco indica que não vai parar por aí e não pretende sofrer para conquistar o acesso à elite do futebol nacional. Pelo menos é o que o diretor executivo do clube, Rodrigo Caetano, deu a entender.

Vasco apresenta pacotão de reforços para reagir na Série B do Brasileiro

"Vamos buscar sim, de dois a três jogadores. Eu creio que vai ser muito mais acelerada essa questão de mercado quando houver a parada para a Copa do Mundo. Temos como planejamento e programação ter na Copa do Mundo ter quase todo o elenco já formado visando o segundo semestre", declarou o dirigente.

Rafael Silva e Anderson Salles, novos reforços do Vasco
Ruano Carneiro/ Agif/Gazeta Press
Rafael Silva e Anderson Salles, novos reforços do Vasco

Rodrigo Caetano ainda fez questão de afirmar que o clube tem interesse na manutenção do atacante Reginaldo no elenco vascaíno e procurou minimizar a importância de resolver o caso imediatamente. O contrato dele termina no fim de junho.

"Certamente iremos conversar no momento certo com ele e o representante dele. Ele faz parte dos planos, mas tem um contrato vigente e temos prazo para fazer isso. Vamos aguardar o momento certo para falar", concluiu o mandatário.

Mesmo com os acertos do volante Fabrício, do zagueiro Anderson Salles, do meia Guilherme Biteco e do atacante Rafael Silva, a diretoria vascaína ainda busca um atacante e mais um meia. Eduardo Sasha, do Internacional, é um nome que circula nos corredores de São Januário.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.