Com portões fechados por conta da punição imposta pelo STJD, cariocas saíram na frente mas cederam a igualdade

Sem contar com a presença da torcida, por conta da punição imposta pelo STJD pela briga em Joinville em 2013, o Vasco decepcionou na estreia da Série B. Neste sábado, em São Januário, ficou no empate em 1 a 1 com o América-MG . A equipe carioca, com muitos desfalques, não mostrou o bom futebol que o levou para a final do Estadual do Rio e já tropeça na primeira rodada da Segundona.

São Januário não recebeu torcida por conta de punição do STJD
Fernando Soutello/Agif/Gazeta Press
São Januário não recebeu torcida por conta de punição do STJD


Depois de um primeiro tempo sem gols, os donos da casa abriram o placar com Reginaldo. No entanto, os mineiros chegaram ao empate com Obina para dar números finais ao confronto no Rio de Janeiro.

Na próxima rodada, o Vasco vai até o Mato Grosso para encarar o Luverdense, no sábado. No mesmo dia, o América-MG vai receber o Ceará, em Belo Horizonte.

Veja a tabela completa da Série B do Brasileirão

O Vasco começou com tudo a partida e quase abriu o placar antes do primeiro minuto. Danilo tabelou com Douglas, entrou na área e acertou um chute no travessão de Matheus. Após o lance, os cruzmaltinos seguiram na pressão, mas sem levar perigo ao gol mineiro. O América-MG teve sua primeira oportunidade aos 12, com Ricardinho. O atacante recebeu lançamento e tocou na saída de Martín Silva. No entanto, Luan apareceu para salvar os donos da casa.

O susto fez os vascaínos voltarem a pressionar e aos 16 minutos, os donos da casa quase marcaram. Após troca de passes, a bola sobrou para Reginaldo na área, mas o atacante viu Matheus abafar e fazer a defesa. A resposta dos mineiros veio cinco minutos depois. Após lançamento para a área, Ricardinho chutou por cima do travessão de Martín Silva.

Depois disso, o duelo ficou equilibrado, com as duas equipes tentando o gol. O Vasco chegou com perigo aos 26 minutos, quando Thalles aproveitou cruzamento, mas finalizou para fora. Três minutos depois, foi a vez de Fellipe Bastos arriscar de fora da área e assustar o goleiro Matheus.

Os cariocas melhoraram, mas seguiram tendo dificuldade nas finalizações. O América-MG soube segurar os avanços do Vasco para ir para o intervalo com a igualdade no placar.

Na etapa final, o Vasco mais uma vez veio com mais disposição, mas dessa vez conseguiu abrir o placar, aos dois minutos. Douglas achou Reginaldo, que tocou na saída de Matheus. A bola passou por baixo da perna do goleiro mineiro e foi para a rede.

Everton Costa é diagnosticado com inflamação no músculo cardíaco

O América-MG não desanimou com o revés e passou a buscar mais o ataque. Os mineiros aproveitaram as falhas de marcação do Vasco para empatar, aos 15 minutos. Andrei achou Obina na área e o atacante acertou bom chute na saída de Martín Silva.

Após a igualdade no placar, o Vasco não conseguiu dominar as ações e viu o América-MG deixar a partida equilibrada. O panorama do confronto seguiu o mesmo até os minutos finais. Os cruzmaltinos ainda tentaram esboçar uma pressão na base da raça, mas pouco ameaçou os mineiros, que saíram de campo com um bom resultado fora de casa.

FICHA TÉCNICA:
VASCO 1 X 1 AMÉRICA-MG

Local:  São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de abril de 2014, sábado
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro : Paulo Henrique Godoy Bezerra (SC)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Cartões amarelos: André Rocha e Montoya (Vasco); Andrei (América-MG)
GOLS
VASCO: Reginaldo, aos 2min do segundo tempo
AMÉRICA-MG: Obina, aos 15min do segundo tempo

VASCO: Martín Silva, André Rocha (Marlon), Luan, Rafael Vaz e Diego Renan; Aranda, Danilo, Fellipe Bastos (Montoya) e Douglas; Reginaldo (Marquinhos) e Thalles
Técnico: Adílson Batista

AMÉRICA-MG: Matheus; Elsinho, Vitor Hugo, César Lucena e Gilson; Leandro Guerreiro (Thiago Santos), Andrei Girotto, Pablo e Tchô (Mancini); Ricardinho e Obina (Junior Negão)
Técnico: Moacir Júnior

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.