Oposição não conseguiu o apoio suficiente de federações e clubes e Marin terá seu candidato como substituto no cargo

José Maria Marin será substituído por Marco Pole Del Nero a partir de 2015
Divulgação/FPF
José Maria Marin será substituído por Marco Pole Del Nero a partir de 2015

A CBF confirmou nesta segunda-feira que a chapa encabeçada por Marco Polo Del Nero será a única a disputar a eleição a presidente da entidade no próximo dia 16. A oposição a José Maria Marin não conseguiu o apoio de cinco clubes da Série A e oito federações para registrar uma candidatura e o atual presidente da Federação Paulista será o substituto de Marin no comando da CBF a partir de 2015.

O prazo para registro de uma chapa foi esgotado na última sexta-feira. A eleição do dia 16 vai preencher os cargos de presidente, cinco vice-presidentes e do conselho fiscal da CBF. A chapa de Del Nero tem o nome de "Continuidade Administrativa" e tem Marin como um dos seus vice-presidentes ao lado de Fernando José Macieira Sarney, Gustavo Dantas Feijó, Delfime de Pádua Peixoto Filho e Marcus Antônio Vicente.

Relativamente à chapa "Continuidade Administrativa", foram cumpridas todas as normas legais e estatutárias que regem o processo eleitoral, razão pela qual estão os respectivos candidatos aptos a disputar a eleição que se realizará na Assembleia Geral designada para o próximo dia 16.

A oposição teve dois nomes cogitados para a formação de uma chapa: Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians e ex-diretor de seleções da CBF e Francisco Novelletto, presidente da Federação Gaúcha. Mas nenhum dos dois conseguiram o apoio mínimo para se lançarem candidatos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.