Pai jogador revelou que as negociações estão avançadas e um acordo já foi selado entre Paulo Nobre e o cartola do Benfica

O Palmeiras ficará sem jogar até a estreia no Campeonato Brasileiro, no dia 20, mas, nesse período, já pode ter uma boa notícia. O Alan Kardec "pai", que representa o filho nas negociações com o clube, fala em acerto verbal do presidente Paulo Nobre com o Benfica e diz que o acordo salarial para efetivar a renovação do atacante está bem próxima de se concretizar.

"As conversas continuam e estão bem avançadas. Podemos ter um desfecho a qualquer momento, as partes estão bem próximas de um entendimento. A negociação avançou muito, está na iminência de ser concretizada", disse o pai de Alan Kardec à rádio Globo .

O entrave no momento tem ocorrido por conta das propostas salariais feitas pelo Palmeiras ao seu artilheiro. As últimas conversas, contudo, se aproximaram do que o jogador deseja e, por isso, seu pai avisa que faltam somente "reuniões de ajustes".

O Benfica emprestou o centroavante até 30 de junho, mas quer o acerto com o Palmeiras até o fim de maio. A diretoria confia em investidores para conseguir 4 milhões de euros (cerca de R$ 12,5 milhões) para ter o jogador em definitivo - o clube português sinalizou que deve liberá-lo por menos do que está previsto como multa rescisória.

"Essa negociação já estava costurada há algum tempo. O presidente do Benfica e o Paulo Nobre são pessoas muito corretas e eles têm um acordo apalavrado. Não está formalizado, mas acordado. São duas pessoas idôneas, será fácil colocar no papel, dependendo do entendimento entre o meu filho e o Palmeiras, que está bem próximo de acontecer", reforçou o pai de Alan Kardec.

Autor de nove gols em 16 jogos no centenário, o camisa 14 é o artilheiro do time na temporada e deve assinar contrato de cinco anos com o Verdão. Sua permanência é um dos principais pedidos de Gilson Kleina para a sequência de 2014.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.