Atacante do Corinthians teve problemas particulares e ficou na parte interna do CT para realizar exercícios físicos

Mano Menezes comandou atividades técnicas e um trabalho tático com a defesa na manhã de quarta-feira, no centro de treinamento do Corinthians . Emerson não participou do treinamento no gramado, ficando na parte interna do CT para exercícios físicos.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Emerson Sheik, atacante do Corinthians
Daniel Augusto Jr. /Agência Corinthians
Emerson Sheik, atacante do Corinthians

De acordo com o clube, o atacante trabalhou separadamente porque não apareceu na segunda, sob a justificativa de problemas particulares no Rio de Janeiro. O preparador físico Eduardo Silva submeteu o atleta a atividades semelhantes às observadas na segunda.

Confira os confrontos, notícias e artilharia da Copa do Brasil

O Sheik interessa ao Botafogo, e o Corinthians já deixou muito claro que não faz a menor questão de mantê-lo. O jogador de 35 anos, porém, tem se mostrado bastante relutante com a possibilidade de deixar a agremiação do Parque São Jorge, com a qual tem contrato até a metade de 2015.

Em campo, Mano deu maior atenção ao quarteto defensivo, formado por Fagner, Cleber, Gil e Fábio Santos, que tinham de marcar jogadas pelos lados do gramado. Na outra metade, o auxiliar Sidnei Lobo comandou um trabalho de finalizações com a maior parte do grupo.

Sem nenhum compromisso oficial até a estreia no Campeonato Brasileiro, em 20 de abril, o Corinthians fará um jogo-treino no próximo sábado, contra a Ponte Preta. Dificilmente estará na equipe campineira o lateral direito Ferrugem, bem próximo de acertar sua transferência ao time de Mano. O meia Petros, que disputou o Campeonato Paulista pelo Penapolense, depende só de exames médicos para assinar contrato.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.