Tamanho do texto

Jogador brasileiro do Milan é pretendido pelo Orlando City, time que disputa a Major League Soccer em 2015

Kaká, meia do Milan
Getty Images
Kaká, meia do Milan

O futuro de Kaká é uma incógnita no Milan . Após ver o meio-campista marcar duas vezes na vitória sobre o Chievo neste sábado, o torcedor pode perder o ídolo no final desta temporada europeia. O jogador, porém, ainda não confirma a transferência para o Orlando City, time que disputa a Major League Soccer (principal liga americana) em 2015.

"Tenho uma excelente relação com o Flávio (proprietário do Orlando City), somos realmente amigos, mas isso é uma incógnita, vamos esperar. Quero dar um passo de cada vez. Estou feliz aqui no Milan, espero continuar aqui, mas só vamos decidir no final da temporada. Tem muita coisa para acontecer ainda e eu e o Galliani (vice-presidente de futebol) vamos decidir o que é melhor para mim e para o Milan", despista o meia, que completou 300 partidas pelo clube neste sábado.

Apesar dos dois gols marcados sobre o Chievo, o assunto da entrevista de Kaká após o jogo foi exatamente os boatos de sua transferência para os Estados Unidos. Enquanto o jogador balançava as redes no San Siro, o empresário Flávio Augusto da Silva, dono do Orlando City, postou nas redes sociais que em breve haveria "notícias bombásticas" sobre o novo time.

O presidente do time americano, Philip Rawlins, deu ainda mais pinta de uma possível transação ao comentar recentes declarações do jogador sobre o desejo de jogar a MLS: "estaremos prontos quando você estiver, Ricardo", disse.

Segundo o dirigente Adriano Galliani, o contrato do brasileiro com o Milan tem cláusula que o libera caso o time não disputa a Liga dos Campeões, o que está muito perto de acontecer devido à má fase da equipe no Campeonato Italiano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.